Últimas

Quadrilha que tentou assaltar carro-forte com R$ 200 mil era especializada em roubos a banco


Homens foram presos na tarde de quarta-feira, enquanto aguardavam a saída do carro-forte.Foto: Erlon Rodrigues/ PC
Manaus - Cinco homens foram presos na tarde de quarta-feira (15) por tentar roubar um carro-forte com a quantia de R$ 200 mil de uma agência bancária na Avenida André Araújo, bairro Aleixo. De acordo com a polícia, os homens formam quadrilha especializada em roubos a bancos na capital e teriam, também, envolvimento com o tráfico de drogas na cidade.
Foram presos Cristiano Rodrigues Maia, 43; Manoel Rosinaldo Neves de Souza, 37, conhecido como “Naldo”; Diego Oliveira Hidalgo, 29; Hudson Pereira da Silva, 29, e Emanuel Eric Bezerra, 25, chamado de “Derick”.
De acordo com  o delegado Guilherme Torres, diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), um sexto indivíduo, que já foi identificado pela polícia, está sendo procurado por ter ligação com a quadrilha. O delegado ressaltou, ainda, que as equipes do departamento estavam monitorando os elementos há cerca de 15 dias.
“Por volta das 14h de ontem, recebemos a informação de que os seis integrantes do grupo estariam aguardando a saída de um carro-forte com a quantia de R$ 200 mil de uma agência bancária situada na Avenida André Araújo, bairro Aleixo. Montamos campana no local indicado e aguardamos o início da execução do crime para obtermos o flagrante. Um dos integrantes tinha a função de observar os clientes da agência. Os demais indivíduos estavam em dois veículos, nas proximidades da agência bancária. Os carros ficaram parados cerca de 1h no lugar. Quando o carro-forte deixou a agência os infratores seguiram o veículo. Assim que eles perceberam a presença da polícia ainda tentaram empreender fuga. Um dos elementos conseguiu fugir”, explicou Guilherme Torres.
Segundo o diretor-adjunto do DRCO, Denis Pinho, no momento da abordagem policial os infratores reagiram e houve troca de tiros. “Naldo”, Diego e Emanuel acabaram alvejados e foram conduzidos pelas equipes do DRCO ao Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, na zona Centro-Sul, onde receberam atendimento médico.
“Seguimos investigando o bando para verificarmos a participação da quadrilha em outros crimes ocorridos na cidade. Instauramos um inquérito policial que deverá ser concluído no prazo de dez dias. Já temos também a identificação do sexto elemento e vamos representar a prisão preventiva do mesmo”, afirmou Denis Pinho.
O diretor-adjunto do DRCO informou, ainda, que com os infratores foram apreendidos R$ 10 mil em espécie, 70 trouxinhas de maconha, duas armas, sendo uma pistola 380 com dez munições e uma ponto 40 com a numeração raspada, além de dois veículos: o primeiro modelo Saveiro, de cor preta e placas JXJ-1354 e o outro modelo Space Fox, de cor preta e placas OAK-0453.

Prisões

Cristiano, Diego, Emanuel, Hudson e Manoel foram autuados em flagrante por organização criminosa, tráfico de drogas e roubo majorado. Na base do departamento, após consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), foi constatado que Cristiano já responde por três roubos e porte ilegal de arma de fogo na 1ª Vara de Execuções Penais (VEP); “Naldo” responde por três roubos e homicídio; Diego responde por tráfico de drogas, quatro roubos, latrocínio e um processo na VEP. 
“Derick” tem em nome dele processo por tráfico de drogas, adulteração de sinal identificador de veículo automotor, associação para tráfico e corrupção de menores. Hudson responde por roubo e latrocínio. Ao término dos procedimentos cabíveis na base do DRCO os infratores serão encaminhados ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irão permanecer à disposição da Justiça.
D24

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.