ÚLTIMAS NOTICIAS

2º INTERECLESIAL DAS CEBs REGIONAL NORTE 1 AMAZONAS E RORAIMA 2017





Equipe de articulação das CEBs do Regional Norte 1, reuniu-se no último dia 26 na CNBB que fica localizada no centro de Manaus. O encontro teve como objetivo a preparação dos últimos detalhes para o II Intereclesial das CEBs Regional Norte 1 Amazonas e Roraima, que será realizado de 6 à 9 de Julho na paróquia de São Jorge Manaus-Am.

O evento tem com tema: "CEBs E OS DESAFIOS DE SER IGREJA DO MUNDO NA AMAZÔNIA" 
Lema: EU VI E OUVI OS CLAMORES DO MEU POVO E DESCI PARA LIBERTÁ-LO


Pe. Paulo Tadeu- Coordenador do Serviço Amazônico de Ação e Reflexão, Educação, Sócio Ambiental-(SARES)

Nete Sousa - Coordenadora das CEBs do Regional Norte 1 Amazonas e Roraima

Izalene Tiene - Secretária Executiva da REPAM-Rede Eclesial Panamazônica

Areolino - Representante do Setor Centro Histórico da Arquidiocese de Manaus

Zélia Guimarães - Articuladora das CEBs arquidiocesana de Manaus

Carmem Santana - Coordenadora das CEBs Arquidiocesana de Manaus

Patrícia Cabral - Secretária das CEBs do Regional Norte 1

Antônio Maia - Coordenação das CEBs Arquidiocesana

Joel - Representante do Setor Parque dez e Coordenação da CEBs Arquidiocesana

Foto Divulgação
Na reunião com a equipe foi pensado em conjunto sobre os últimos preparativos para evento, que promete trazer para as comunidades momentos de reflexão como as questões do mundo urbano e seus desafios, fortalecendo as escolas de fé e política, lapidando ainda mais as experiências das comunidades eclesiais de base, ribeirinhas e comunidades indígenas.

Os encontros das CEBs têm se constituído, na Igreja Católica, no Brasil, num grande encontro “pentecostal”. É nestes momentos de encontros que se sente o pulsar do coração das comunidades desta nossa imensa Amazônia. 

Pela arquidiocese de Manaus, Diocese e Prelazias. Regional Norte 1: Amazonas e Roraima, especificamente de Manaus; de Coari, de Parintins, de Roraima, de São Gabriel da Cachoeira, do Alto Solimões, de Borba, de Itacoatiara e de Tefé.

O encontro que requer uma postura de “vigilância” constante estamos ao redor de muitos detalhes, gestos, sinais que comunicam a grandeza desse momento. Isto requer também, um olhar “contemplativo”, para acolher toda a teologia expressa nos cantos, painéis, frases, fotografias, histórias de vida, de lutas e de martírio.


Foto: Divulgação. " As CEBs do Regional é um Novo Jeito de Ser igreja na Amazônia"

Fotos Divulgação
Equipe no bairro São Jorge, programando o percurso da caminhada dos Mártires

Pe. Paulo a equipe de Mística do encontro

Para ser considerada eclesial, a COMUNIDADE precisa ser: Comunidade de fé, onde se ouve e vive a Palavra de Deus. 
Comunidade sacramental que celebra e vive os sacramentos 
Comunidade fraterna que constrói relações de participação, de serviço, de igualdade e também comprometida com a transformação da sociedade. 
Comunidade missionária que se alegra em levar aos outros o Projeto do Reino de Deus.
E por que de BASE ? – a comunidade eclesial é básica, é a menor célula da organização da Igreja, como num colar de miçangas. Cada “conta” é como se fosse uma comunidade. O colar só existe, se antes, existirem essas contas. Assim,podemos falar que elas são básicas. Assim é a Igreja, só existe se existirem as comunidades CEBs?

CEBs significa "Comunidades Eclesiais de Base" "CEBs é igreja em ponto pequeno". É um jeito novo de a igreja se organizar.

São Comunidades (C) - No Brasil são mais de 100 mil as pequenas comunidades. Reúnem, normalmente,os que vivem próximos, pessoas que se conhecem pelo nome, partilham suas vidas e seus problemas, põem em comum seus bens e esforços, e lutam juntos da defesa da vida.

São Eclesiais (E) - CEBs são pequenas células de um corpo maior, a igreja tem o Reino de Deus como fundamento e sua justificativa de existirem. Têm consciência de que não são toda a igreja. São parte de um todo maior. O Eixo em torno do qual giram a palavra de Deus. A palavra de Deus é o coração das CEBs. São um jeito original de a igreja ser o ideal  de Jesus.

São Base (B) - Significa povo preferencialmente pobre, excluído, aquele que Jesus chamou de "pequeno". Mas será que as CEBs  são só dos pobres? De "Base" não se confunde com "pobre" ou "popular", como se as comunidades eclesiais de base por serem populares, só existiram nas zonas rurais, periferias e comunidades pobres. De fato lá existem, porque é lá que se encontram pessoas com a vida de comunidade.

Se pessoas ricas ou de classe média não formam CEBs, é devido ao seu individualismo, inclusive suficiente amplo para conter todas as pessoas que, devido a sua fé num só Deus.





Confira um dos melhores momentos de articulação para o 2º Intereclesial das CEBs

























CEBs REGIONAL NORTE 1 - AMAZONAS E RORAIMA
COMUNIDADES ECLESIAIS DE BASE - CEBs
Av. Epaminondas, 722 - Centro - Cep: 69010-090 - Manaus/Am
E-mail: cebsregionalnorte1@gmail.com
Contato: (92) 99424-2089 ou (92) 98253-3044


Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.