Últimas

Travestis presos são suspeitos de matar rival por ponto de prostituição em Brasília


Manaus – A dupla Daviysson Pinto,18, e Daniel Ferreira Gonçalves,22, presa na tarde de segunda-feira (17), por assaltar Aurélio Maquiné de Souza, 35, com um canivete na Rua das Missões, bairro Colônia Terra Nova, zona norte, foi identificada na manhã de hoje (18), como suspeita do assassinato de um travesti, no Distrito Federal, em 26 de janeiro deste ano.
De acordo com o delegado titular do 18º Distrito Integrado de Polícia, Jone Clei, além de ter dito nomes falsos a polícia na tarde de ontem, a dupla tem mandado de prisão preventiva expedido de Brasília pela morte de um travesti identificado como ‘Agatha Lios’.
“A morte aconteceu por conta de um conflito que eles tiveram por ponto de prostituição. Eles e mais dois elementos mataram esse travesti em Brasília e fugiram pra cá”, afirmou Clei.
Segundo a polícia, eles assassinaram Agatha em um depósito dos Correios, na cidade de Taguatinga Sul, Distrito Federal. Outros dois suspeitos do assassinato, identificados como Francisco Delton Lopes Castro e Greyson Laudelino Pessoa estão foragidos em Manaus e no estado do Pará.
De acordo com o delegado, a dupla responderá por roubo e será encaminhada a polícia de Brasília, que tomará as medidas cabíveis sobre o caso.
D24

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.