Breaking News

MULHER É ENCONTRADA MORTA COM SEIS FACADAS DENTRO DE APARTAMENTO, NA ZONA LESTE DE MANAUS


O corpo de uma mulher, identificada somente como Raimunda Ferreira de Souza, foi encontrado dentro de um apartamento, em uma estância, no bairro Jorge Teixeira 3, Zona Leste de Manaus. O corpo foi encontrado na manhã desta quinta-feira (28), com sinais de perfuração.

O proprietário de uma estância na rua Aracu, próximo a uma loja de autopeças, sentiu um forte odor vindo do apartamento 01. Ele utilizou a chave reserva para abrir a porta e se deparou com a inquilina morta em avançado estado de decomposição.

O corpo foi encontrado em cima da cama. Ela estava vestida com roupas íntimas. De acordo com equipes do Departamento de polícia técnico científica, o corpo da mulher tem sinais de perfuração feito possivelmente por facadas. Foram seis facadas, uma no pescoço, quatro no tórax e uma no braço direito. Uma faca foi deixada em cima da pia, e pode ser a utilizada no crime.

“O último dia que nós a vimos foi no Natal. Depois ela não saiu mais de casa. Todo dia ela saía cedo pra trabalhar em uma fábrica de reciclagem no bairro Cidade de Deus. Senti um cheiro forte e chamei um vizinho pra entrar comigo”, disse o proprietário do estancia, Francisco Cavalcante de 56 anos.

O dono do local disse que a mulher tinha alugado o apartamento há, aproximadamente, um mês.

“Ela era uma inquilina muito tranquila, falava com todo mundo e tinha filhos. Mas eles quase não vinham aqui visita-la”, disse Francisco.

De acordo com um morador, que não quis se identificar, a mulher tinha um namorado que sempre a visitava nos fins de semana, principalmente no fim do mês.

“Na manhã do natal o namorado dela saiu do apartamento por volta das 10 horas da manhã. Ele usava uma blusa com capuz. Desde então, não a vimos mais. Ela não foi trabalhar ontem”, disse um morador.

Policiais da 30 Companhia (Cicom) atenderam a ocorrência. O corpo foi encaminhado ao o Legal (IML), na Zona Norte de Manaus.

O caso deve ser investigado pela Delegacia  (DEHS).

Fonte/Foto: G1

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.