Últimas

Escola Benedito Almeida escolhe representantes ao Parlamento Jovem

Alunos da Escola Estadual Benedito Almeida, do bairro Mauazinho, Zona Sul, elegeram, na tarde desta quarta-feira (20), seus representantes à 12ª edição do Parlamento Jovem 2019. Foram escolhidas como titulares ao cargo de deputada estadual jovem as estudantes Giselly Pereira Barbosa, 17 anos, e Lídia Isabelle de Oliveira Souza, 16, ambas do 2º ano do Ensino Médio; como suplentes foram definidos os nomes de Wesley Santos de Souza, 18 anos, e Vitória Elizabeth Colares de Miranda, 17 anos, que estão no 3º ano do Ensino Médio. 

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Antes da eleição os alunos participaram de uma palestra sobre “Educação Cidadã”, ministrada pela coordenadora dos Programas de Educação Cidadã da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), Cassandra Serejo Cabral dos Anjos, no auditório Senador João Bosco Ramos de Lima, da Escola do Legislativo Senador José Lindoso. 

Durante sua explanação, Cassandra Serejo falou, dentre outros assuntos, da importância do voto e do papel do aluno em uma escola pública, com seus deveres e direitos. “Mostramos que a política está em tudo, seja no preço do tomate ou nas condições e na gestão da escola”, afirmou a servidora que há 32 anos atua na Aleam. 

Os alunos estiveram na Assembleia acompanhados do professor de Sociologia Girleno Menezes Barbosa, do professor de Química Rafael Cândido Domingos, e da professora de Educação Física Maria das Graças Dias da Rocha. Girleno lembrou que é o terceiro ano consecutivo que a Escola Benedito Almeida participa do programa Parlamento Jovem. “Estamos satisfeitos com a participação dos nossos alunos. São alunos exemplares, alunos dedicados, que realmente vão fazer diferença na nossa sociedade”, destacou o professor. 

Com a eleição dos representantes da Escola Estadual Bendito Almeida, já estão definidos os nomes dos alunos de cinco estabelecimentos educacionais ao Parlamento Jovem 2019. As outras quatro escolas são a Escola Estadual Maria Rodrigues Tapajós, do bairro Redenção; Escola Estadual Solon de Lucena, do bairro São Geraldo; Escola Estadual Belarmino Alves Marreiro, da Cidade Nova; e a Escola Estadual Profª Ruth Prestes Gonçalves, também da Cidade Nova. 

O processo de eleição de estudantes da rede estadual de ensino ao Parlamento Jovem 2019 prossegue nesta quinta-feira (21) com a Escola Estadual Frei Mário Monacelli, do bairro Alfredo Nascimento, pela manhã; e, à tarde, a Escola Estadual Ernesto Penafort, do bairro São José II. Na sexta-feira (22), à tarde, será a vez da Escola Estadual Vicente Telles de Souza, do bairro São Geraldo. 

O programa Parlamento Jovem foi criado no Amazonas por meio da Resolução nº 375/05, de autoria do então deputado Wallace Souza. É desenvolvido pela Assembleia do Amazonas em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc). Tem por objetivo possibilitar aos alunos da rede estadual de ensino a vivência da rotina de um deputado estadual e do processo democrático, através da participação em uma jornada parlamentar na Aleam, onde são diplomados e exercem um mandato. Este ano será realizado entre os dias 6 a 17 de maio.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.