ÚLTIMAS NOTICIAS

Para defender a filha, sogra mata genro com tiro de espingarda


Após presenciar a filha sendo agredida com socos e com uma cadeira pelo próprio marido, a dona de casa Iracema Cardoso Coelho, 66, matou, com dois tiros de espingarda, o genro dela, o mecânico Celio Ricardo dos Santos Tavares, 42, em Rio Preto da Eva (a 57 quilômetros a nordeste de Manaus). Os detalhes da ocorrência foram informados pela assessoria de imprensa da Polícia Civil.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O crime ocorreu na noite de sábado (27), no sítio de Iracema, localizado no ramal da Jaqueira, no quilômetro 105 na rodovia AM-010. Conforme a Polícia Civil, como o local onde ocorreu o fato é difícil de acessar, a polícia só foi informada do crime na segunda-feira (29), onde Iracema foi levada para 36ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Rio Preto da Eva, ouvida e indiciada por homicídio qualificado. Como não estava mais em situação de flagrante, Iracema responderá pelo crime em liberdade.

Ainda conforme a Polícia Civil, a filha de Iracema, identificada apenas como “Marinez”, estava no sítio da mãe dela, acompanhada do companheiro Celio Ricardo e outros familiares. Quando o casal passou a discutir e Celio agrediu Marinez com socos e com pancadas ao usar uma cadeira. Ao presenciar a situação, Iracema pegou uma espingarda e disparou dois tiros contra Celio que morreu no local.

Nesta terça-feira (30), o corpo do homem morto pela sogra foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), na zona norte de Manaus.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.