Breaking News

Mais de 20 anos depois, cena da troca de bebês em "Por Amor" vira debate nas redes sociais


Foi ao ar nesta segunda-feira a famosa cena da troca de bebês na novela "Por Amor"

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Foi ao ar nesta segunda-feira (10) a famosa cena da troca de bebês na novela “Por Amor”, que está sendo reprisada no “Vale a Pena ver de Novo”, na Rede Globo.

Em uma das cenas mais emblemáticas da dramaturgia brasileira, Helena (Regina Duarte) troca os bebês e coloca seu bebê no lugar do filho morto de Eduarda (Gabriela Duarte). Na trama, mãe e filha engravidam juntas e têm os filhos no mesmo dia. No entanto, o bebê de Eduarda não sobrevive e a jovem ainda precisa retirar o útero após o parto.

Em uma atitude desesperada, Helena coloca seu filho no lugar do bebê da filha e diz que a criança que morreu foi a dela. Como Eduarda estava dormindo, não vê nada do que acontece, e quando acorda pensa que o bebê que morreu foi o seu irmão. As únicas pessoas que sabem da troca dos bebês são Helena e o médico César.

Mesmo após 22 anos, a atitude extrema de Helena ainda dá o que falar. Nesta segunda-feira (10), a cena voltou a ser o centro de discussões e debates, agora nas redes sociais. Muitos internautas concordam com a personagem, enquanto outros acham que tudo é um absurdo.

Assistindo #PorAmor antes eu enxergava a troca de bebês como uma atitude desesperada de amor da Helena pela filha. Mas rever a novela hoje me faz pensar que Helena dar o filho mais parece a oportunidade de concretizar um aborto que ela não teve coragem de fazer por pressão.

— Paulo Dias (@eupaulodias) June 5, 2019

É o Atílio que torna essa equação cruel. Se fosse só uma mãe se sacrificando pela filha nem haveria julgamento. A dor do Atílio é o que nos faz enxergar que o egoísmo em proteger a própria filha fez Helana passar por cima de tudo e todos. #PorAmor

— Tania Christina (@TaniaChristina8) June 10, 2019

Claro que tinha! A novela chama Por amor gente, o amor ali supremo pela filha que sem esse ato, era sanatório ou suicidio! Eduarda não tinha emocional, para lidar com mais essa! Eu não julgo a atitude extrema e desesperada de Helena! #PorAmor

— Vane Monteiro Renault 🌹🇧🇷🚩 (@vane_rmonteiro) June 10, 2019

Não acho que o que pese seja só isso 
Pra mim o que pesa é ver que ela abriu mão de uma criança, de um filho dela, ela escolheu um filho acima do outro 
Isso que me faz odiar

— Hope 💛💚 (@greysanasou) June 10, 2019

Ela não abriu mão de um filho, pois pra ela seria um neto (o que é praticamente a mesma coisa) e entre o sofrimento do marido ao da filha, ela escolheu o do marido. Compreensivel, mas não correto.

— Foi pq EU MERECI! 🌹 (@KOLTYLOPES) June 10, 2019

Ele é maior vítima… sem dúvidas…. Mas, como mãe, sou capaz de entender a atitude da Helena. Tá errado? Claro q tá… mas não tem como julgar…

— Plena e Absoluta 🍫 (@PlenaeAbsoluta) June 10, 2019

Ela envolveu o César tb, que nunca mais conseguiu deitar a cabeça tranquilamente no travesseiro. Isso tb fez parte do egoísmo do ato dela.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.