ÚLTIMAS NOTICIAS

Falta de Coleta de Lixo em Presidente Figueiredo revela descaso da Prefeitura


População sofre diariamente com as pilhas de lixo acumuladas em diversas partes da cidade 

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Presidente Figueiredo, município localizado cerca de 107 quilômetros de Manaus, convive com o descaso da gestão pública municipal, que parece estar vendada para os problemas que a cidade enfrenta, causando uma série de transtornos a toda sociedade. Sob a gestão do Prefeito Romeiro Mendonça e seu vice Mário Abrahão, a cidade turística também conhecida como “Terra das Cachoeiras”, devido todo seu apelo ecológico, deveria ser um exemplo na limpeza pública, mas a realidade no município é retratada diariamente nas mídias sociais e por onde figueiredenses e turistas passam, pois os resíduos sólidos domésticos e comerciais se acumulam causando transtornos e colocando em risco a saúde da população.

O principal ponto turístico público de Presidente Figueiredo, a Corredeira do Urubuí, também sofre com a falta de coleta de lixo, ratos e urubus são habitualmente avistados em torno das lixeiras, que sempre estão cheias devido a falta da coleta. Nas áreas residenciais, além destes problemas, a situação ainda se agrava devido os cachorros que rasgam as sacolas plásticas e espalham o lixo pela rua, deixando um cenário anti-higiênico.

“Estamos nos sentindo abandonados pela prefeitura, que mesmo com tantas reclamações, não toma nenhuma atitude. A situação é muito crítica, a população faz sua parte, mas a prefeitura continua de “braços cruzados”. Não bastasse os buracos nas ruas, ninguém aguenta mais o mau cheiro e os transtornos causados pelo acúmulo do lixo, que traz prejuízo ao meio ambiente e para a saúde das nossas famílias, pois atrai roedores e aves, que espalham doenças por onde passam”, disse a moradora do bairro Galo da Serra, Maria Aparecida da Silva.

Tentamos contato com o Prefeito Romeiro Mendonça através do telefone de final 7557, mas as ligações não foram atendidas e nem obtivemos retorno.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.