ÚLTIMAS NOTICIAS

PC prende autor de homicídio no bairro São Raimundo

Os delegados Paulo Martins e Denis Pinho, titular e adjunto, respectivamente, da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestro (DEHS), falaram na manhã desta quarta-feira (7/8), durante coletiva de imprensa realizada às 9h30, no prédio da especializada, sobre o cumprimento do mandado de prisão temporária, por homicídio, em nome de Reinaldo Xavier Gomes, 27, procurado pela autoria da morte de Alexandre Victor dos Santos Almeida, no bairro São Raimundo, zona oeste da cidade. A vítima tinha 21 anos.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

De acordo com Paulo Martins, o crime ocorreu na tarde do dia 1º de maio deste ano, por volta das 16h, no beco Graça Tiago, bairro São Raimundo. Segundo o delegado, uma câmera de segurança instalada nas proximidades do local registrou o momento em que Alexandre e outro indivíduo, ainda não identificado, foram até o local do crime, com a intenção de matar um homem. No entanto, o alvo correu para um bar naquela região, onde Reinaldo estava.

“Ao perceber a presença dos infratores no local, atrás desse elemento que ainda não foi identificado, Reinaldo revidou o ataque, efetuando disparos de arma de fogo em direção à dupla. Nesse momento, Alexandre foi atingido e veio a óbito. Ressalto que o delito foi motivado pela disputa pelo comando do tráfico de drogas naquele bairro e Alexandre, que havia ido até o lugar para matar alguém, acabou sendo morto por Reinaldo”, explicou Martins.

Conforme Denis Pinho, durante as investigações em torno do caso, foi representado à Justiça o pedido de prisão em nome do infrator. A ordem judicial foi expedida no dia 5 de julho deste ano, pelo juiz Anésio Rocha Pinheiro, da 2ª Vara do Tribunal do Júri. “O mandado foi cumprido na manhã do dia 11 de julho deste ano, por volta das 9h, no prédio da DEHS, após Reinaldo tomar conhecimento de que estava sendo procurado e comparecer espontaneamente, ao prédio da especializada, acompanhado de um advogado”, disse.

Procedimentos – Reinaldo foi indiciado por homicídio. Ao término dos procedimentos cabíveis no prédio da DEHS, ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.