ÚLTIMAS NOTICIAS

Fantástico revela que prefeito Artur Neto usou a máquina pública para ocultar o assassinato do engenheiro


Por: Mario Jorge de Oliveira

Já se passaram quinze dias do assassinato do engenheiro Flávio Rodrigues dos Santos, de 42 anos Flávio Rodrigues dos Santos, de 42 anos, uma história complexa que envolve bebida, droga e o envolvimento do poder executivo do município de Manaus, nesse caso que aconteceu em um condomínio fechado no bairro Tarumã, será destaque na programação do Fantástico neste domingo na Rede Globo.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O programa que promete tirar dúvidas e revelar fatos que ainda não são do conhecimento público, esteve na cidade Manaus e entrevistou algumas pessoas como advogados de defesa, acusação, policiais envolvidos na investigação e familiares do engenheiro assassinado.

O programa em rede nacional era o que muita gente queria, pois acreditavam que somente a imprensa local não seria suficiente para pressionar esse caso, pois ele envolve diretamente o prefeito de Manaus, alguém com muito poder e prestigio político no nosso estado, que usou a máquina da prefeitura de Manaus, através da Casa Militar, para tentar ocultar o cadáver do engenheiro Flávio.

Artur Neto é padrasto de um dos principais suspeitos desse assassinato, Ajesandro Molina Valeiko, foi a pessoa que autorizou a entrada do engenheiro para a festinha que estava acontecendo em sua residência no condomínio Passaredo, bairro Tarumã – Zona este de Manaus, antes do engenheiro ser assassinado com seis facadas e ainda teve seu corpo jogado em terreno baldio na mesma zona da cidade.


Fonte: Opinão Manaura

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.