Últimas

Em Coari, Polícia Civil prende homem que estuprou menina de nove anos

A equipe de investigação da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Coari (distante 363 quilômetros em linha reta da capital) cumpriu, nesta terça-feira (18/08), por volta das 6h, mandado de prisão preventiva em nome de um homem de 58 anos, investigado pelo estupro de uma menina de nove anos. Os crimes ocorreram ao longo do mês de dezembro do ano passado, quando a vítima ficou alguns dias na casa da companheira do infrator, na comunidade Vila Tradicional, zona rural do município.


Segundo o delegado José Barradas, titular da DIP, o homem foi preso no porto de Coari, no bairro Centro. Diligências realizadas pelas equipes policiais apuraram que o crime teria sido cometido na época em que a mãe da vítima estava grávida, e teve que deixar a criança na casa de uma amiga, pois precisou se internar em uma maternidade do município.

“Como o infrator morava junto com a amiga da mãe da vítima, ele aproveitava os momentos em que ficava sozinho com a criança para cometer os crimes sexuais. No entanto, assim que a mãe retornou do hospital, a menina relatou que havia sofrido abusos cometidos por esse homem de 58 anos”, afirmou Barradas.

O delegado informou, ainda, que logo depois da formalização da denúncia na delegacia e após ter o mandado de prisão expedido, as equipes policiais passaram a realizar diligências com o intuito de localizar o homem, que passou a ser considerado foragido. Entretanto, na manhã desta terça-feira, os investigadores conseguiram rastrear o indivíduo depois que ele realizou uma transação bancária, na sede de Coari.

Procedimentos

Conduzido à DIP, o infrator foi indiciado por estupro de vulnerável. Após os trâmites na delegacia, ele será encaminhado para a unidade prisional do município, onde ficará à disposição da Justiça.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.