Últimas

Governo Wilson Lima pagou R$ 10 milhões por limpeza em escolas fechadas no período de pandemia

Parece que o governo Wilson Lima coleciona várias denúncias e escândalos. E mais uma vez a Secretaria de Educação do Amazonas (Seduc), está envolvida. A secretaria pagou R$ 10 milhões a uma empresa prestadora de serviços durante a pandemia. Só lembrando, que as escolas estavam fechadas.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Empresas com contratos de serviço de limpeza e conservação, de áreas internas e externas das escolas púbicas, continuaram recebendo da Seduc durante a pandemia, mesmo com os estabelecimentos de ensino fechados de acordo com o Portal da Transparência do Estado.

Foi o caso da empresa Porto Serviços Profissionais, Construções e Manutenção Ltda que tem dois contratos (CT nº 176/2017 e CT nº 177/2017) com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), no valor total de R$ 32.048.066,57. No http://sistemas.sefaz.am.gov.br/transparencia-ccgov/home.do?method=c se encontra toda informação.

Essa empresa recebeu entre maio e julho de 2020, três parcelas integrais do serviço de limpeza supostamente realizado nas escolas fechadas, que totalizaram R$ 10.311.374,60. Ou seja, dinheiro público sendo mais uma vez, mal administrado.

Maio – R$ 3.537.054,51
Junho – R$ 3.537.054,51
Julho – R$ 3.237.265,58

No portal http://www.transparencia.am.gov.br/despesas/, pode ser encontrado.

A empresa Porto Serviços Profissionais, que tem o CNPJ nº 13.183.508/0001-14 e já mudou algumas vezes de razão social. Já foi Amsterdam Serviços Profissionais de Limpeza, Conservação e Construções Ltda, e também SVX Serviços Profissionais de Limpeza, Conservação e Construções Ltda. O Ministério Público Estadual está investigando ações desta empresa.

A Seduc, até o fechamento desta matéria, não se pronunciou sobre o assunto.

Fonte:https://amazoniapress.com.br/governo-wilson-lima-pagou-r-10-milhoes-por-limpeza/

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.