Últimas

Prefeitura apresenta ações para o segundo semestre do ano letivo às coordenações das DDZs

Já respaldadas pelo Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM), Sindicatos dos Trabalhadores em Educação do Amazonas (Sinteam) e dos Professores e Pedagogos das Escolas Públicas do Ensino Básico de Manaus (Asprom Sindical), as diretrizes de ações administrativas e pedagógicas para o 2º semestre nas unidades de ensino da Prefeitura de Manaus, agora, são compartilhadas com assessores pedagógicos, coordenadores e chefes das Divisões Distritais Zonais (DDZs) da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

As informações estão sendo compartilhadas durante a segunda etapa da Jornada Pedagógica Interativa Digital, um encontro virtual que começou nesta segunda-feira, 31/8. Pela manhã, foi a vez das equipes das DDZs Oeste e Sul e, à tarde, as DDZs Norte e Centro-Sul. Nesta terça-feira, 1° de setembro, a ação contará com participantes das DDZs Leste 1 e 2 e DDZ Rural.

A ideia é fazer com que os profissionais da educação partilhem conhecimentos, ensinem e aprendam na coletividade, com o propósito de promover o fortalecimento do processo educativo da rede municipal de ensino de Manaus, mantendo a qualidade das ações pedagógicas aos mais de 242 mil, mesmo durante a pandemia do novo Coronavirus.

A secretária da Semed, Kátia Schweickardt, destacou o papel do município nesse período e agradeceu o empenho de todos os educadores. “Criamos um material que contou com a participação e a experiência de muitos professores e é isso que queremos levar daqui para frente. Precisamos pensar qual o legado vamos conseguir deixar para as nossas crianças, jovens e adultos. A responsabilidade está nas nossas mãos”, disse.

Para o 2° semestre, a prefeitura inicia o plano de flexibilização, que coloca as unidades como ponto de apoio aos alunos e professores que não tem acesso à internet ou não possuem aparelhos eletrônicos. Essa é uma forma de dar um suporte aos estudantes que não conseguem acompanhar o projeto “Aula em Casa”. Em data ainda a ser definida, cada escola montará um cronograma de atendimento, obedecendo os protocolos de saúde.

“Essa é a segunda etapa da Jornada Pedagógica com as equipes das Divisões em dois dias, em dois horários, e logo em seguida cada DDZ vai fazer a jornada com seu grupo de gestores e os gestores com os professores. Tudo isso é para que todos conheçam o planejamento estratégico da Semed para o 2º semestre, com tudo devidamente alinhado com toda rede, para que todos estejam envolvidos no ‘Escola Aberta’ para receber os professores, alunos e comunidade”, explicou a diretora do Departamento Geral dos Distritos (DEGD), Selma Trindade.

Para o gerente Pedagógico da DDZ Sul, Anderson Rodrigues, o trabalho desenvolvido no período da pandemia foi positivo, no sentido de dar continuidade nos estudos dos alunos e que no 2° semestre não será diferente. “A organização para o 2° semestre mostra o quanto avançamos e que os desafios que tínhamos no início da pandemia, fomos superando com base em tudo o que já fizemos de positivo e significativo para garantir o direito à aprendizagem dos alunos. Agora, pretendemos trabalhar essa perspectiva de atendimento presencial das crianças, que não têm oportunidade de acompanhar o ‘Aula em Casa’. Tentamos de várias formas atender esses estudantes, mas entendemos que é preciso fazer um trabalho mais específico e assim vamos trabalhar, garantindo recurso e oportunidade”, comentou.

A chefe interina da DDZ Centro-Sul, Eliana Almeida, disse que a Semed sempre teve como objetivo maior, a vida e a saúde dos professores e alunos. “A jornada é um alinhamento de como devemos atender nossos alunos e professores com a ‘Escola Aberta’, que será o ponto de mediação e auxílio aos que não têm internet ou aparelhos eletrônicos, para acompanhar o ‘Aula em Casa’. Nós procuramos realizar nosso trabalho mesmo que seja a distância, a Semed não parou. Na DDZ Centro-Sul, alguns gestores verificaram a falta de acompanhamento de alguns alunos e em determinados momentos proporcionaram apoio aos que não estavam engajados em nenhum tipo de atividade, muitos receberam apostilas com exercícios”, comentou.

A 3ª etapa da jornada será nos dias 2 e 3/9, com as DDZs e as escolas. No período de 4 a 8/9 acontece a última etapa, envolvendo a direção da escola e a equipe da unidade educacional.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.