Últimas

Palestras debatem a educação e mercado de trabalho para surdos

Nos dias 29 e 30 de setembro, a UniNorte - Centro Universitário do Norte promove palestras on-line com temáticas voltadas para a educação, empregabilidade, mercado de trabalho e atenção do público surdo.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O conteúdo será transmitido ao vivo, a partir das 16h, no canal do LeiaJá no YouTube. Todas as lives terão tradução simultânea feita por um intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras).Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

As palestras fazem parte do projeto ‘Surdo Cidadão’, organizado pelos curso de Pedagogia da UniNorte, em parceria com os cursos de Direito e Fonoaudiologia e o Núcleo de Apoio ao Estudante (NAE) do Centro Universitário. O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (Ifam), por meio do projeto Curupira, é outro participante da atividade.

“Nosso objetivo é promover uma discussão em torno das políticas públicas para surdos dentro dos diversos segmentos da sociedade. Teremos a participação de especialistas da área que vão transversalizar seus conhecimentos em torno da pessoa surda, falando sobre avanços e limitações dessa comunidade na conquista de direitos e deveres no espaço acadêmico e mercado de trabalho”, explica o coordenador do curso de Pedagogia da UniNorte, Rafael Melo.

Confira a programação:

29/09

1) Política de empregabilidade da pessoa com surdez no ambiente acadêmico e no mercado de trabalho
Palestrante: Fernando Bruno Almeida de Araújo - advogado e professor do curso de Direito da UniNorte


2) Relatos de experiência do Projeto Curupira
Palestrante: Dalmi Pacheco - doutor em Educação, professor do Ifam e coordenador do Projeto Curupira

30/09

1) A aprendizagem matemática no trabalho com alunos surdos e mediado pelo intérprete de Libras
Palestrante: Francisco Douglas Lira Pereira - professor do curso de Pedagogia da UniNorte

2) Relatos de experiência do intérprete de Libras da UninortePalestrante: Gabriel Almeida Ferreira - intérprete de Libras da UniNorte

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.