Últimas

Autoridades nacionais parabenizam TCE-AM pelo aniversário de 70 anos

No dia em que o Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) iniciou as comemorações relativas ao 70º aniversário, diversas autoridades nacionais parabenizaram a Corte de Contas pelo trabalho no Amazonas.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O primeiro dia de solenidade foi nesta quarta-feira (14), mas a programação em alusão aos 70 anos do Tribunal seguem até sexta-feira (16).

Para o presidente da Corte de Contas, conselheiro Mario de Mello, o reconhecimento de autoridades nacionais demonstra a eficácia dos trabalhos do TCE-AM. "O TCE-AM alcança, aos seus 70 anos, a maturidade de um órgão de controle que sempre foi conduzido com seriedade, firmeza e segurança jurídica. As parabenizações devem ser estendidas aos servidores e ao corpo técnico que faz o Tribunal ser o que é ao longo de todos esses anos", ressaltou o conselheiro Mario de Mello. 

Como forma de garantir a segurança dos participantes e organizadores do evento, o Tribunal limitou o número de convidados externos que iriam participar presencialmente no auditório e no Museu do TCE das solenidades.

Representante a Suprema Corte, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, enviou um vídeo parabenizando o conselheiro-presidente do TCE, Mario de Mello, todo colegiado da Corte de Contas e os servidores do Tribunal pela atuação no Amazonas e ressaltou a trajetória da Corte de Contas.

“O Tribunal de Contas do Amazonas vem funcionando de forma exemplar graças a uma administração profícua, dedicada, preservando o interesse geral da sociedade”, destacou o ministro Marco Aurélio Mello.

O presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro José Mucio Monteiro, destacou a dedicação do TCE-AM em preservar o bioma amazônico como órgão de controle.

“Vocês representam muito para o Amazonas, para o Norte do Brasil. Zelosos guardiões do nosso controle. Quero dar os parabéns a todos os conselheiros, auditores e demais colaboradores que ajudaram a construir esse Tribunal. O TCU tem muito orgulho da parceria que pudemos construir com esta Corte”, afirmou o ministro José Mucio Monteiro.

Também foram enviadas as congratulações do presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins.

“Parabenizo o presidente, conselheiro Mario de Mello, pela iniciativa de celebrar essa expressiva data que marca o amadurecimento da instituição para a sociedade.”

Representando os Tribunais de Contas do País, o presidente da Associação dos Tribunais de Contas (Atricon), conselheiro Fábio Nogueira, comparou a grandeza da Corte com o bioma amazônico.

“Falar do bioma amazônico é dizer sobre imensidão. Por isso, me reporto a ele para combinar com a grandeza do Tribunal de Contas do Amazonas. Aos 70 anos, é uma fonte energética que ultrapassam o exercício restrito da fiscalização para produzir efeitos mais efetivos do controle externo”, disse o conselheiro Fábio Nogueira.

O presidente do Instituto Rui Barbosa (IRB), Ivan Bonilla, destacou os avanços do TCE-AM mesmo no período de adversidade vivido com a pandemia.

“Nesse momento de pandemia, isolamento e dificuldades na vida em sociedade, eu vejo o Tribunal de Contas do Amazonas avançando ainda mais, com grande velocidade. Incorporando novas tecnologias e sabendo muito bem como superar esse momento difícil. Meus parabéns ao TCE-AM e a gestão”, frisou o presidente do IRB.

Já o presidente do Conselho Nacional dos presidentes dos Tribunais de Contas, conselheiro Joaquim Alves de Castro Neto, falou sobre a busca do TCE-AM em fazer um trabalho além do tradicional, melhorando a eficácia do controle das contas públicas.

“Nesses 70 anos, o TCE-AM deu uma demonstração de que os Tribunais do Brasil podem ir além das missões constitucionais, promovendo políticas públicas que possam ir ao alcance da sociedade. O TCE do Amazonas pôde nos dar orgulho da atuação que vem sendo feita” destacou o conselheiro Joaquim Alves Neto.

As declarações foram transmitidas ao vivo pelas redes sociais da Corte de Contas.

A programação em alusão ao aniversário de 70 anos do TCE-AM segue nesta quinta-feira (15) com a inauguração de um monumento em homenagem às vítimas da Covid-19 no Amazonas, e na sexta-feira (16), com a entrega do certificado de boa gestão aos gestores públicos do estado.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.