Últimas

Prefeitura realiza ações de Educação em Saúde na zona Norte

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), promoveu na manhã desta sexta-feira, 23/10, uma ação de Educação em Saúde para crianças e adolescentes, que integram o projeto Pequenos Heróis, em parceria com a Associação de Moradores do conjunto Cidadão 1, na zona Norte de Manaus, e o Batalhão de Incêndio Florestal e Meio Ambiente do Corpo de Bombeiros.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

As atividades foram executadas pela equipe de Educação em Saúde, do Distrito de Saúde (Disa) Norte, no Centro Pastoral Dom Sérgio Eduardo Castriani, no bairro Cidade Nova 2, e abordou temas como o controle do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, da zika e da chikungunya, a prevenção ao tabagismo e à Covid-19, além de saúde bucal.

De acordo com educador em saúde do Disa Norte, Elias Leal, a equipe de Educação em Saúde atendeu ao convite da coordenação do projeto Pequenos Heróis, para repassar informações para crianças e adolescentes, com palestras educativas, exposição do ciclo biológico do Aedes aegypti e maquetes para orientar sobre os perigos do tabagismo para a saúde.

“Manaus já enfrenta o período de chuvas, o que aumenta o risco para as doenças transmitidas pelo Aedes, por isso é importante fazer um trabalho de preventivo, além de repassar informações sobre a prevenção ao tabagismo, à Covid-19 e os cuidados com a saúde bucal. São 48 crianças participando da ação de educação em saúde, que irão atuar multiplicando as informações em casa, na escola e na comunidade”, explicou Elias.

O vigilante Luiz Cláudio Serrão, 47 anos, morador do conjunto Cidadão 1, tem quatro filhos com idade entre 10 e 15 anos no projeto Pequenos Heróis, e destacou a importância da Educação em Saúde para crianças e adolescentes. “A educação vem de dentro de casa, mas as atividades do projeto são um complemento para que eles possam compreender melhor sobre as doenças e saber como fazer a prevenção”, destacou Luiz.

Atividades

O setor de Educação em Saúde e Mobilização Social da Semsa promove atividades por meio de profissionais dos Disas Norte, Sul, Leste, Oeste e Rural, que são mobilizados para atuar nas unidades de saúde, e também em ações de escolas, igrejas, instituições públicas e privadas, comércios, associações de bairro, clubes de mães ou em locais de grande circulação de pessoas, como terminais de ônibus.

“O trabalho consiste em levar informações para a população, inclusive com crianças e adolescentes, que se tornam executores e multiplicadores das ações de promoção da saúde e prevenção de doenças. Com a pandemia da Covid-19, o trabalho continua a ser feito, mas seguindo os protocolos de segurança”, informou a chefe do setor de Educação em Saúde e Mobilização Social da Semsa, enfermeira Lilian Paula Lima Zacarias.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.