Últimas

Suspeito de homicídio morre em confronto com a Polícia

Suspeito de praticar o homicídio de Thiago Machado Medina, de 32 anos, na noite desta segunda-feira (26/10), um homem identificado como Hilton Souza dos Santos, de 37 anos, acabou morrendo após o crime ao trocar tiros com a Polícia Militar. Hilton já tinha passagens anteriores pela polícia pelos crimes de tentativa de homicídio, corrupção de menores e porte ilegal de arma de fogo.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

De acordo com o relatório de ocorrência, Hilton e Thiago eram amigos e estavam bebendo juntos na companhia de um terceiro homem, chamado Graciney Brilhante Vasconcelos, de 33 anos, que testemunhou o homicídio de Thiago. O crime ocorreu na Rua Bernardo Guimarães, comunidade Parque São Pedro, zona oeste da capital, na noite desta segunda-feira (26/10).

Testemunhas relataram aos policiais da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) que Thiago, Hilton e Graciney estavam ingerindo bebida alcoólica antes de discutirem. Hilton, que estava armado com uma pistola calibre 38, feriu os dois. Eles foram levados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Campos Sales, mas Thiago já chegou morto. Após o crime, Hilton fugiu em um mototáxi.

Graciney informou à guarnição da 20ª Cicom que o autor dos disparos morava na Rua Bom Jesus, Invasão Jesus Me Deu, no bairro Colônia Terra, na zona norte de Manaus. Ao chegarem no endereço, os policiais foram recebidos a tiros disparados por Hilton. Durante o tiroteio, o suspeito foi atingido no tórax. Ele foi levado a uma unidade hospitalar, mas não resistiu ao ferimento e morreu. Os policiais apreenderam a arma de fogo que estava em posse do infrator.

Em consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), foi constatado que Hilton possuía passagens pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, corrupção de menor e tentativa de homicídio. Já Thiago, tinha passagem pelo crime de ameaça.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.