Últimas

“É questão de tempo para esse governo ser afastado”, diz Wilker sobre os desdobramentos da Operação Sangria

O deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) desta terça-feira, 17, para repercutir sobre os desdobramentos da Operação Sangria, deflagrada pela Polícia Federal (PF) e que apura um esquema de corrupção na compra superfaturada de 28 respiradores pulmonares feita pelo Governo do Amazonas numa loja de vinhos, durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) no Estado. 

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Em seu pronunciamento na Sessão Ordinária, o parlamentar afirmou que será “questão de tempo” o afastamento do governador Wilson Lima e do vice Carlos Almeida, apontados pela PF como principais envolvidos na aquisição dos aparelhos pulmonares, que custou R$ 2,9 milhões aos cofres públicos do Estado, e demais escândalos revelados pela Operação Sangria. Alem disso, o parlamnetar frisou que circula na mídia que a PGR já pediu o afastamento do governador e do vice.

“Não adianta o governador desmentir porque sabemos que é questão de tempo para esse governo ser afastado. Estamos falando de governo que maltrata seu povo e que não tem mais condições morais de estar à frente da coisa pública. Por isso, reitero o apelo ao STJ para que aprecie com celeridade os desdobramentos da Operação Sangria”, disse o deputado.

Barreto aproveitou, ainda, para pedir que os órgãos de controle fiscalizem de forma mais intensa os pagamentos feitos pelo Governo.

“Peço aos órgãos de controle para que redobrem a atenção e verifiquem como estão os pagamentos da Sefaz de um governo que não sabe se termina o mês e tipificado pela PGR como uma organização criminosa. Por isso, reitero o meu pedido para que o Tribunal de Contas, o Ministério Público e esta Casa redobrem as atenções para os gastos desse governo”, finalizou o parlamentar.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.