Últimas

Exposição ‘Linhas do Tempo – De Volta para Casa’ estreia nesta quinta no Icbeu

Sete anos depois da primeira edição, a artista visual amazonense Hadna Abreu retoma os temas de amor, afeto e memória e a homenagem a seus avós na segunda edição da exposição “Linhas do Tempo – De Volta para Casa”.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

A mostra estreia nesta quinta, 19/11, às 19h, na Galeria de Artes do Instituto Cultural Brasil-Estados Unidos (Icbeu), localizado na avenida Joaquim Nabuco, nº 1.286, Centro.

A exposição foi contemplada pelo Edital Prêmio Manaus de Conexões Culturais 2018, da Prefeitura de Manaus, e também conta com o apoio do Icbeu e da Manart Galeria. A entrada é gratuita e, como medida de prevenção contra o coronavírus, a visitação será restrita a 60 pessoas, com uso obrigatório de máscaras.

A primeira edição de “Linhas do Tempo” aconteceu em 2013, na Galeria do Largo, no Centro. O projeto aborda a valorização do idoso e é inspirado pelo amor da artista pelos seus avós, que ela considera suas maiores fontes de inspiração. Para a segunda edição, Hadna Abreu preparou mais de 40 obras, além de outras novidades interativas. Segundo ela, o projeto é um convite para uma exploração dos sentidos através da tecnologia.

“A exposição sempre esteve em meu coração, a cada vez que alguém a citava, comentava e mencionava ou, até mesmo, me marcava em fotos com as obras, algo acionava em mim”, comentou Hadna. “Precisei de sete anos para entender que o aviador (o principal personagem, meu avô) não foi embora de vez, e chegaria o dia de sua volta. Esta exposição é uma homenagem aos meus avós, e a todos do mundo que sempre cuidaram verdadeiramente de nós”.

Entre as novidades, Hadna recomenda que os visitantes levem o seu próprio fone de ouvido para, durante a exposição, interagir com as obras de maneira multissensorial, por meio da trilha sonora assinada pelo músico César Lima. Além disso, dois jogos virtuais que trabalham a memória e o conhecimento geral das obras e personagens estarão disponíveis no site do projeto, em www.linhasdotempo2.com.

“A exposição convida todos a voar, ter leveza e sonhar. Vai ser uma aventura para explorar todos os sentidos”, complementou a artista. “Essa exposição não se trata apenas de idosos, pois cada personagem pode ser você, ou aquela pessoa que você mais ama. A exposição é um encontro com nós mesmos de forma lúdica e poética”.

“Linhas do Tempo – De Volta para Casa” fica em cartaz na Galeria do Icbeu até o dia 18 de dezembro. A visitação acontece de segunda a sexta, de 15h às 19h, e aos sábados, de 9h às 12h, e o agendamento prévio deve ser feito pelo link bit.ly/ICBEULinhasDoTempo2020.

Ficha técnica

Hadna Abreu é artista visual, formada pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e atua no cenário artístico desde 2009. A artista já teve seus trabalhos expostos nas principais galerias de Manaus, e também participou de exposições em São Paulo (SP) e Salvador (BA). Já ilustrou livros para instituições como o Centro de Estudo Integrado da Biodiversidade Amazônica (Cenbam), Instituto Nacional de Pesquisa da Amazônia (Inpa) e para o Instituto Socioambiental (ISA). Atua como professora de desenho e pintura em seu ateliê.

A equipe do projeto também conta com Dani Cruz (fotografias de viagem), César Lima (trilha sonora), Rafael Moraes (artista 3D), Eric Lima (dublagens), Anna Lôyde (design gráfico/vídeo e fotografia de processo), Lôyde Abreu (figurino do aviador), Carolina Campos (projetista 3D), Ricardo Magaiver (engenharia eletrônica), Alonso Júnior (fotografia de evento), Mércia Preto, Mical Martins e Icbeu (tradução), Gisele Riker (produção) e Wanessa Leal (assessoria de imprensa).

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.