Últimas

Restaurante Langril fica em segundo lugar noconcurso “O Quilo é Nosso” da Abrasel

A quarta edição do concurso O Quilo é Nosso, promovido pela Abrasel com apoio do Mundo Mesa e patrocínio da Sodexo, deu início no dia 20 de outubro, e movimentou dezenas de restaurantes a quilo no Brasil em busca do título de melhor restaurante a quilo.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O evento é uma iniciativa para valorizar o modelo de serviço, que além de ser uma invenção brasileira, é o sistema de atendimento mais comum no País, segundo pesquisa realizada pelo Sebrae.

O anúncio dos campeões foi feito na manhã de hoje (18), durante o início da reunião do Conselho Nacional da Abrasel e em primeiro lugar ficou o Tomilho Cozinha Cotidiana (PR), do chef Daniel Massara, com o prato Dumpling de Tilápia, em segundo o restaurante Langrill (AM), com o prato medalhão de Pirarucu recheado e em terceiro lugar o Mayer Sabores do Brasil, de Brasília (DF), com o filé de atum selado na brasa.

O representante do restaurante Langril, Daniel Soares, ressaltou a importância da Abrasel frente à produção de um evento tão bem estruturado. Existe um certo pensamento enraizado de que restaurante a quilo produz sempre o mesmo do mesmo. Mas, não. Há espaço para alta gastronomia e pratos muito mais elaborados dentro do modelo self-service. Acredito que iniciativas como essa não apenas ajudem a renovar esse pensamento, mas também contribuem para que os restaurantes se empenhem em criar algo novo, criativo e saboroso.

Ainda de acordo com Daniel, participar do "O Quilo é Nosso" engloba um misto de euforia, dedicação e empenho para criar uma novidade. Sair como vencedores do Amazonas foi uma grande satisfação e uma grande responsabilidade. Mas, alcançarmos o segundo lugar em um concurso com tantos pratos excelentes, foi sem dúvidas uma grande vitória em meio a um ano tão difícil. Certamente, é algo muito especial poder representar um estado tão rico em diversidade alimentícia, como o Amazonas, e nossa colocação só reforça o quanto essa gastronomia pode ser apreciada pelo Brasil afora. Ano que vem estaremos presentes e, dessa vez, o prêmio máximo virá para Manaus, afirma Soares.

O concurso é tradicionalmente realizado em três etapas, sendo voto popular em cada cidade; avaliação de júri local e avaliação do júri nacional, respectivamente. Esse ano, a grande final aconteceu no Rio de Janeiro, na escola de gastronomia Le Cordon Bleu, com transmissão ao vivo pelo canal da Abrasel no Youtube. Por lá, os finalistas tiveram cerca de três horas para preparar o prato e, ao final, defenderam sua ideia juntos aos jurados, ressaltando os ingredientes e técnicas utilizadas.

Foram convidados para compor o júri técnico: Morena Leite, chef do restaurante Capim Santo; Antônio Aguiar (Tombé), diretor de Estabelecimentos da Sodexo; Nicolas Chovelón, chef professor da Le Cordon Bleu e Ricardo Castilho, diretor editorial e sócio da Prazeres da Mesa.

Os três finalistas foram contemplados com premiações da Sodexo, Abrasel e Prazeres da Mesa, envolvendo valores em dinheiro no Sodexo Pass, assinatura da revista Prazeres da Mesa, kits, troféu e para o primeiro colocado também ingressos e hospedagem para a maior feira e evento de conhecimento do setor de alimentação fora do lar na América Latina, Fispal e Fórum Gestão à Mesa.

Ao todo, foram mais de 40 restaurantes participantes no evento, no Amazonas, Distrito Federal, Maranhão e Paraná. Os estabelecimentos e suas respectivas criações podem ser consultadas no site do concurso oquiloenosso.com.br

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.