Últimas

Virada Sustentável Manaus promove intervenção visual no Centro em prol da causa LGBTQI+

A diversidade e o combate à violência e discriminação contra pessoas LGBTQI+ foram tema da intervenção cultural realizada na manhã desta sexta-feira (13), como uma das ações da Virada Sustentável Manaus, festival de mobilização para a sustentabilidade correalizado pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS).

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Faixas de pedestres com as cores do arco-íris foram estendidas na Rua 10 de Julho, ao lado do Teatro Amazonas, no Centro de Manaus.

“O que está acontecendo hoje é uma das várias ações em prol de mais consciência, para estimular a diversidade, falar sobre amor livre e sobre respeito”, disse a coordenadora da Virada Sustentável Manaus, Paula Gabriel.

Em decorrência da pandemia da Covid-19, a intervenção ocorreu sem público, apenas com voluntários do Conselho Criativo do festival, seguindo os protocolos de segurança e prevenção contra o novo coronavírus. “Neste ano de pandemia, a gente teve que se reinventar, não só pela ausência de recursos, como também por não querer proporcionar aglomerações. A solução que encontramos foi fazer algumas intervenções na cidade”, acrescentou Paula Gabriel.

A implantação da sinalização recebeu autorização da Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU). A primeira-dama do município, Elisabeth Valeiko Ribeiro, celebrou a ação. “Reconhecer esse público e as suas necessidades é também uma forma de demonstrar respeito. Por isso, minha parabenização à FAS pela iniciativa da faixa arco-íris. Toda iniciativa que soma em defesa de direitos é importante e deve ser fortalecida", afirmou ela que também é presidente do Fundo Manaus Solidária.

A iniciativa foi inspirada em ações semelhantes já realizadas em vias de Paris, na França, e traz uma das temáticas trabalhadas pelo festival, que tem como base os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU).

Programação online

Esta e outras intervenções foram filmadas e serão exibidas na programação virtual da Virada Sustentável Manaus, que ocorre entre os dias 27 de novembro e 3 de dezembro pelo Instagram @viradasustentavelmanaus e no canal “Virada Sustentável”, no YouTube. O público poderá acompanhar gratuitamente apresentações de artistas regionais, contação de histórias, talks sobre temas diversos, oficinas, sessões de yoga e meditação, entre outras iniciativas.

Letras gigantes

O Largo de São Sebastião, em frente ao Teatro Amazonas, também foi palco de outra intervenção cultural realizada pela Virada Sustentável Manaus nesta semana. Na quarta-feira (11), o grupo instalou dois grandes banners no local, com as frases ‘Viva Amazônia Viva’ e ‘Vidas Indígenas Importam’.

As mensagens foram decididas de forma colaborativa, com objetivo de destacar a resistência da floresta e das populações indígenas que tanto conservam a natureza, fornecendo serviço ambiental para o mundo todo.

Os banners com as duas frases foram estendidos pelos voluntários para que a mensagem fosse vista pelos visitantes que circulavam no local, que é conhecido como um dos principais pontos turísticos da cidade. A concepção artística foi feita por Denis LDO, artista de grafite e parceiro da Virada desde a primeira edição.

“O Denis LDO é um grafiteiro, parceiro nosso desde a primeira edição da Virada Sustentável Manaus. Ele fez essas artes lindas que ficarão como bandeiras da Virada e da FAS para levarmos em futuras ações e nunca esquecermos dessa mensagem”, disse Paula Gabriel.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.