Últimas

ACUSADO DE ASSÉDIO, FELIPE PRIOR PRESTA QUEIXA: “ME CHAMOU DE ESTUPRADOR”

Felipe Prior foi acusado de assediar uma mulher durante uma festa, neste domingo (20/12), em Brasília (DF). O ex-BBB teria passado a mão na bunda da jovem, que o mandou parar, e ele teria a xingado. Pessoas que estavam no local afirmam que a vítima também foi agredida por um amigo dele.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Procurado pela coluna, Prior negou as acusações. “Nunca fiz isso. Jamais passaria a mão em qualquer menina. Tenho até testemunhas que viram tudo”, disse ele. O ex-BBB afirmou ainda que estava na delegacia. “Estou registrando queixa, pois ela me chamou de estuprador”, afirmou.

A vítima preferiu não falar sobre a acusação de assédio e disse que vai esperar a investigação do caso.

Outras acusações

Vale lembrar que Prior é réu por crime de estupro desde outubro. A Justiça de São Paulo aceitou a denúncia do Ministério Público. Três mulheres acusam o ex-BBB de um estupro em 2014, outro em 2016 e uma tenativa em 2018.

Festa clandestina

No começo do mês, a coluna recebeu um vídeo no qual Felipe Prior aparece em uma festa marcada como clandestina em São Paulo na madrugada deste domingo (13/12). Procurado, o ex-BBB não quis falar sobre o evento e pediu: “Finge que eu sou anônimo, por favor. Eu quero paz, pessoal. Deixa eu e minha família quietinhos”. Prior não comentou se a festa de fato era clandestina, como a marcação no vídeo afirma. “Pergunta para o menino do vídeo. A pessoa está querendo me prejudicar”, disse ele.

Fonte: Portal do Jota

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.