Últimas

ASSISTA | Jovem é agredido por bombeiro bolsonarista após salvar mulher de assédio

O programador, Jair Aksin Reis Canhête, de 25 anos, foi agredido e ameaçado por com uma arma, após ajudar uma mulher que estava sofrendo assédio na estação do Metrô da Praça do Relógio, em Taguatinga, na tarde de sexta-feira (18).

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Na ocasião, o agressor, identificado como o 1º sargento Guilherme Marques Filho, do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF), foi flagrado pelo jovem passando a mão pelo corpo de uma mulher.

Após Jair gritar para que Guilherme deixasse a moça, o assediador agiu como se fosse pegar uma arma e só não o fez por ser surpreendido por um dos seguranças do metrô, que perguntou o que estava acontecendo.

Em seguida, o jovem seguiu seu caminho e mais a frente percebeu que estava sendo seguido pelo assediador. Jair resolveu correr para um local onde tivessem câmeras para que qualquer tentiva de agressão fosse registrada, e assim acontecendo.

O agressor saiu do local após o episódio. O jovem foi ameaçado e registrou o caso na delegacia.

Fonte: Metrópoles

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.