Últimas

Educadores da Prefeitura de Manaus participam de evento sobre inovação nos processos de ensino

Professores, pedagogos e gestores da Secretaria Municipal de Educação (Semed) participaram na tarde desta quarta-feira, 2/12, da abertura da VI Socialização de Práticas Formativas 2020, com o tema “Tempos, espaços e criatividade: novas aprendizagens no processo de aprender e ensinar”. Devido à pandemia da Covid-19, o evento, realizado desde 2015 pela Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), segue de forma remota, até a próxima sexta-feira, 4/12, com transmissão pelo canal Educacional Manaus (https://www.youtube.com/watch?v=g43cSUDIlnY).

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O evento tem o objetivo de socializar, práticas pedagógicas desenvolvidas em contexto de ensino remoto que se relacionam com os processos formativos da DDPM. O que refle sobre as possibilidades de inovação nos processos de ensino, aprendizagem e de formação continuada dos profissionais da educação da Prefeitura de Manaus.

A secretária municipal de Educação, Kátia Schweickardt também participou da abertura do evento, falou sobre a importância da tecnologia no processo de ensino e aprendizagem e agradeceu ao trabalho realizado pela equipe da DDPM.

“Muitas pessoas achavam que talvez as tecnologias pudessem substituir a figura do professor. Há uma incompreensão sobre o que significa informação, que é diferente de conhecimento. Conhecimento é a informação trabalhada que causa transformações. Essa caminhada o aluno jamais conseguiria fazer sozinho, ele sempre vai precisar de um guia nesse processo e esse catalisador é o professor, que não se torna insubstituível, mas sim, o grande promotor de um ambiente de aprendizagem que, este ano, extrapolou os muros das escolas. Aproveito para agradecer a chefe da DDPM, Rita Esther Luna, a gerente de Formação Continuada, Rosane Xavier, a de Tecnologia Educacional, Aldemira Câmara e, especialmente, aos professores formadores”.

A programação é uma das ações que compõem o Programa de Formação Permanente dos Profissionais da Educação da DDPM que, conforme o Decreto nº. 2.682, de 26 de dezembro de 2013, em seu Art. 39, inciso I diz que à DDPM compete: elaborar, implementar, coordenar e avaliar a Política de Educação Continuada do Magistério Municipal; desenvolver pesquisas, promover e divulgar a produção científica dos profissionais da educação municipal; definir linhas de ação pedagógica para realização de eventos como seminários, simpósios e fóruns realizados no âmbito da secretaria.

“Este ano, ao abordamos o tema da socialização, queremos dar visibilidade ao trabalho desenvolvido por professores, pedagogos, e diretores das escolas da Semed Manaus, que se agigantaram frente a uma pandemia. É importantíssimo percebemos, o quanto temos aprendido e o quanto temos ainda a aprender. Por isso, a programação iniciada hoje está repleta de trabalhos que poderão nos inspirar e nos ajudar a sermos pessoas e profissionais cada vez melhores”, explica a chefe da DDPM, Rita Esther Luna.

Uma das coordenadoras da programação, Sônia Claudia da Rocha Fonseca, formadora do Programa de Tutoria Educacional da DDPM, destacou a abertura, mas principalmente os trabalhos pedagógicos que serão apresentados durante todo o encontro.

“Minha expectativa é que possamos mostrar para o público, o trabalho dedicado e competente das professoras e professores da rede municipal de Manaus, assim como evidenciar o trabalho desenvolvido na formação continuada. A DDPM tem se dedicado na construção de um programa permanente e sólido de formação de professores no município. Sendo assim, desejamos que o evento cumpra seu papel de socializar e divulgar os conhecimentos e experiências que temos construído como educadores”, conclui.

A formadora de língua inglesa do DDPM e mediadora de dois momentos da abertura, Andreza Cristiane do Lago Dantas, afirmou que os temas são relevantes para os educadores e participantes da socialização.

“O tema do evento trouxe uma reflexão sobre as novas aprendizagens que compõem o processo de formação docente, como por exemplo, o desenvolvimento das competências digitais que está sendo bastante requisitado no nosso momento pandêmico. Já a roda de conversa, além de situar os participantes a respeito do formato e programação do evento este ano também contextualizou a importância da Socialização de Práticas Formativas no processo de formação continuada docente”, finaliza.

Programação

 

Dia: 2/12 – quarta-feira

 

14 h - Cerimônia de Abertura do Evento

 

14h15 - Apresentação Cultural Grupo Curumim na Lata

 

14h30 WEBCONFERÊNCIA DE ABERTURA

Tema: Tempos, espaços e criatividade: novas aprendizagens no processo de aprender e ensinar.

Conferencista: Profª. Drª. Gabriela Gambi

Mediadora: Ma. Andreza Lago

 

15h45 - Roda de Conversa 1

Tema: Formação Tapiri e VI SPF: Espaço de Encontro de Culturas, Saberes, Tradição, Arte e Ciência

Conferencistas: Profª. Drª. Rita Esther Ferreira de Luna (coord. Geral); Profª. Ma. Ramina Samoa Silva Camargo (coord. Geral); Profª. Ma. Olvídia Dias (comissão de artes responsável pelas Exposições Imaginativas e (IN) Perspectivas) e Prof. Esp. Rosivaldo da Fonseca Moreira (comissão de TI responsável pela Exposição de Práticas Pedagógicas).

Mediadora: Ma. Andreza Lago

 

16h15: Apresentação cultural –

Professor Axon Moreira

 

18h20 - Apresentação Cultural

Professor João da Mata; Professor Pedro Sampaio

 

18h30 – Oficinas:

 

Oficina 1: Vivenciando as emoções em tempos de pandemia por meio da arteterapia - mandalas.

Proponente: Esp. Jessica de Oliveira Barros

Mediador: Lucilene Pacheco Santos

 

Oficina 2: Ensinando pronúncia e estimulando a produção oral no ensino remoto de Língua Espanhola por meio de aplicativos.

Proponente: Esp. Maria Eugenia Gómez Holtz Galvão

 

Oficina 3: Inglês com música: ressignificando o ensino remoto.

Proponente: Ma. Luana Camila de Souza Lima

Mediador: Me. Filipe Wanderley Misturini

 

Oficina 4: Futuro das profissões e o papel do educador em preparar o alunado para os desafios de um mundo cada vez mais digital.

Proponente: Me. Vicente Fernandes Tino

Mediador: Dra. Maria Lucimar Jacinto de Sousa

 

Oficina 5: A Dimensão Subjetiva e Saúde Mental Docente.

Proponentes: Me. João Raimundo dos Santos Silva Júnior; Esp. Veracilda de Oliveira Prado

Mediador: Ma. Sylvia Beatriz da Costa Ramos

 

Dia: 3/12 – quinta-feira

 

13h50 - Apresentação Cultural

Professora Luciana Costa

 

14h - Salas Temáticas

 

·         Sala 1 - Eixo 1: Linguagens, Ludicidade e Aprendizagem no Ensino Remoto

·         Sala 2 - Eixo 1: Linguagens, Ludicidade e Aprendizagem no Ensino Remoto

·         Sala 3 - Eixo 1: Linguagens, Ludicidade e Aprendizagem no Ensino Remoto

·         Sala 4 - Eixo 1: Linguagens, Ludicidade e Aprendizagem no Ensino Remoto

·         Sala 5 - Eixo 2: Educação, Ciência e Tecnologia

·         Sala 6 - Eixo 2: Educação, Ciência e Tecnologia

·         Sala 7 - Eixo 3: Educação Socioemocional no Contexto de Práticas Pedagógicas remotas

 

15h50 - Apresentação Cultural

Professora Lorena de Lima Ferreira e professor Raimundo Brilhante

 

16h – Oficinas:

 

Oficina 1: Podcast na educação: possibilidades em sala de aula.

Proponente: Ma. Evanilda Figueiredo Gonçalves da Silva

Mediador: Ma. Tayná Bento da Silva Duarte

 

Oficina 2: Construindo Pílulas de Conhecimento através dos aplicativos Canva e Inshot – uma alternativa de ensino e aprendizagem em tempos de educação remota.

Proponentes: Ma. Ramina Samoa Silva Camargo; Ma. Sylvia Beatriz da Costa Ramos

Mediador: Me. Porthos da Costa Castelo Branco

 

Oficina 3: Dança e novas tecnologias na escola: a videodança como forma de expressão.

Proponente: Ma. Olvídia Dias de Souza Cruz Sobrinha

Mediador: Dr. Edeney Barroso Salvador

 

Oficina 4: Teatro-Educação como conhecimento de comunicação remota.

Proponentes: Ma. Maria Gorete Firmino de Lima; Me. José Iran Lamego Barbosa

Mediador: Ma. Lucilene Pacheco Santos

 

Oficina 5: Árvores de resíduos com Intenções para 2030.

Proponente: Esp. Eliana de Souza Chaves

Mediador: Ma. Meng Huey Hsu

 

18h30 - Roda de Conversa 2

Tema: Sentidos no ensinar e aprender em tempos de pandemia.

Conferencistas: Prof. Jarlison Augusto dos Santos Silva (GTE); Profª. Lúcia Cristina Cortez de Barros Santos (PHA); Ádria Santos (PHA); Ádria Nascimento (EJA)

Mediadores: Profs. Weyder Bindá e Zelina Estevam

 

18h35: Apresentação cultural - Curumins do Rio Negro

 

Dia: 4/12

8h50 - Apresentação Cultural

Professor Pedro Sampaio

9h - Salas Temáticas

·         Sala 1 - Eixo 1: Linguagens, Ludicidade e Aprendizagem no Ensino Remoto

·         Sala 2 - Eixo 1: Linguagens, Ludicidade e Aprendizagem no Ensino Remoto

·         Sala 3 - Eixo 1: Linguagens, Ludicidade e Aprendizagem no Ensino Remoto

·         Sala 4 - Eixo 2: Educação, Ciência e Tecnologia

·         Sala 5 - Eixo 2: Educação, Ciência e Tecnologia

·         Sala 6 - Eixo 3: Educação Socioemocional no Contexto de Práticas Pedagógicas remotas

·         Sala 7 - Eixo 4: Gestão Escolar no Contexto da Educação Remota

 

14 h - Cerimônia de encerramento do Evento

 

14h15 - Apresentação Cultural Coral da DDPM

 

14h30 WEBCONFERÊNCIA DE ENCERRAMENTO

Tema: Aprender e ensinar em diferentes contextos: com a palavra, a criatividade docente!

Conferencista: Prof. Dr. Rodolfo Fiorucci - Diretor-geral do IFPR/Jacarezinho

Mediadora: Profª. Dra. Sônia Cláudia Fonseca - DDPM

 

15h30 - Live Musical com Nicolas Júnior

Apresentadora: Profª Ma Maria das Graças Medeiros Borges (DDPM)

 

15h50 - Fala da Profª Rita Esther (Chefe da DDPM)

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.