Últimas

Aliança Covid Amazonas, coordenada pela FAS, distribuiu mais de 28 mil cestas básicas

As ações da “Aliança dos Povos Indígenas e Populações Tradicionais e Organizações Parceiras do Amazonas para o Enfrentamento do Coronavírus”, coordenada pela Fundação Amazônia Sustentável (FAS) com o apoio de 112 instituições, empresas e prefeituras, beneficiaram mais de 350 mil pessoas de comunidades ribeirinhas, indígenas e isoladas, além de bairros periféricos de Manaus.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Entre as entregas, vale destacar a distribuição de 28.094 cestas básicas com o objetivo de evitar o deslocamento de comunidades ribeirinhas para as cidades.

De acordo com o superintendente geral da FAS, Virgilio Viana, a atuação da Aliança tem sido robusta e fundamental para amenizar os impactos da doença no interior do Estado, mas que a luta contra o vírus continua. “A pandemia não acabou e precisamos manter o ritmo de trabalho, usando máscara, álcool gel e seguindo todos os cuidados necessários para nos proteger da Covid-19. A vacina está prometida para o começo desse ano, então começará o desafio de fazer a vacina chegar até a Amazônia profunda, em locais que ficam a 10, 15 dias de viagem de barco, a partir de Manaus. Esse será o novo desafio e a Aliança estará trabalhando para ajudar a superá-lo”, disse o superintendente.

As doações da Aliança incluem a distribuição de mais de 381.534 máscaras protetoras, 1.304 oxímetros e 25.754 unidades de álcool gel. Também foram doados Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), combustível para o transporte de pacientes e produtos para as comunidades, 567 mil sachês purificadores de água da empresa P&G, entre outros.

Os resultados positivos da Aliança foram possíveis devido a parceria com empresas e instituições comprometidas na missão de enfrentamento ao coronavírus. Entre elas, a parceria com a Embaixada da França, que forneceu 48 toneladas de cestas básicas e kits de higiene, e a confecção e distribuição de mais de 30 mil máscaras. A parceria também garantiu a doação de sete ambulanchas, 19 canoas, kits de itens médicos e 2,5 mil litros de combustível, que beneficiaram 1,4 mil famílias de 42 comunidades da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Rio Negro, RDS Puranga Conquista e Área de Proteção Ambiental (APA) do Rio Negro. A Embaixada apoiou, ainda, ações estruturantes em bairros periféricos de Manaus, como o Parque das Tribos e Monte das Oliveiras, com a construção de espaços de lazer, cultura, saúde e geração de renda, previstos para inauguração no primeiro trimestre de 2021. 

A Fundação Maggi, parceira da Aliança, doou 1,5 mil cestas básicas para a comunidade Puranga Conquista, indígenas Kokama em Manaus e 14 bairros periféricos da capital. Além disso, o movimento Friday For Future, liderado pela ativista sueca, Greta Thunberg, doou mais de R$ 600 mil, beneficiando comunidades indígenas no interior do Amazonas e bairros periféricos de Manaus. 

A Aliança Covid-Amazonas, com o apoio de profissionais da saúde, também criou um Guia de Recomendações para Atenção Primária à Saúde, que é pioneiro no Estado e está sendo utilizado em comunidades ribeirinhas, rurais e aldeias indígenas do Estado. O guia garante orientação aos agentes de saúde para prevenção e observação dos sintomas do coronavírus, além de parâmetros para transferência de pacientes.

Ainda na esfera da saúde pública, a Aliança Covid-Amazonas, por meio do programa “Todos pela Saúde”, do Itaú Unibanco, está articulando a criação do projeto “SUS na Floresta” com o objetivo de repensar o modelo de atenção básica de saúde na Amazônia. O projeto trabalhará com a formação de agentes de saúde e outros profissionais; instalação de pontos de internet em comunidades; aquisição e reforma de ambulanchas; combustível para transporte emergencial; adequação das alas hospitalares para pacientes indígenas; aquisição de equipamentos hospitalares; melhoria das políticas públicas de atenção básica em saúde para comunidades remotas; e adaptação e fortalecimento do SUS para a realidade das comunidades remotas.

Apoio

Outras empresas e instituições que também estão apoiando as atividades realizadas pela Aliança são Lasa, Setubal 3G, Havaianas, Gillete, Carrefour, Marriott International, SAP Business, Childfund Brasil, Fundação Avina, Instituto Coca-Cola, Klabin, ICS, Fiocruz, OAK Foundation, Instituto Arapyaú, Americanas, Moore Foundation, Embaixada da Irlanda, Hivos – People Unlimited, Ball, FIMI e GIZ.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.