Últimas

Conhecido por invadir casas, Boulos sofre mais uma derrota na justiça

O ex-presidenciável pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), Guilherme Boulos, foi derrotado em uma disputa judicial no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) contra o jornalista Augusto Nunes, da rádio Jovem Pan. A ação impetrada pelo político socialista era relativa a um pedido de indenização sobre uma fala de Nunes em 2019.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O pedido de Boulos foi rejeitado por unanimidade no TJSP, com o voto contrário de três desembargadores sobre o pedido do político esquerdista. O anúncio da decisão foi feito por Nunes durante a edição de segunda-feira (22) do programa Os Pingos nos Is. O psolista havia recorrido ao Judiciário após o jornalista chamá-lo de “gigolô de sem-teto”, em agosto de 2019.

– Ele vive de ficar brincando de dirigente de sem-teto. A Justiça achou perfeitamente pertinente a metáfora – declarou o comentarista.

Nunes ainda afirmou que “ele [Boulos] ganhou a casa do pai. Ele não tem profissão definida. Não tem local de trabalho conhecido. Ele vive de falar”. Logo após o anúncio da decisão, o jornalista afirmou que agora ele é quem pretende processar o socialista por ele ter dito que o jornalista não teria pago o que lhe devia. Dívida que, com a sentença, ficou comprovada que não existe.

Boulos já virou até meme nas redes sociais por ser conhecido como “invasor de casas”

Fonte: O Abutre

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.