Últimas

Movimento nos dois pontos de vacinação da Prefeitura de Manaus neste domingo foi tranquilo

Como medida para acelerar a vacinação do grupo prioritário da etapa atual da campanha municipal de imunização contra a Covid-19, a Prefeitura de Manaus abriu, neste domingo, 14/2, dois pontos de vacinação: o da Universidade Paulista (Unip), na zona Centro-sul, e o do shopping Phelippe Daou, que atende as zonas Norte e Leste da cidade.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Em ambos o atendimento foi em sistema de drive-thru e posto fixo, para vacinar quem não pode ir de carro, e transcorreu dentro da normalidade.

Na etapa atual estão sendo imunizados os idosos de 70 anos ou mais e os trabalhadores de saúde, estes já recebendo a segunda dose. Seguindo o que estabelece o Ministério da Saúde, a meta é vacinar, no mínimo, 90% do público-alvo de cada grupo.

“Tivemos um dia chuvoso, mas nossas equipes estiveram à postos para atender aquelas pessoas desses dois grupos que ainda não receberam a primeira dose, e também os que já estão no prazo de receber a segunda dose. Conforme a orientação do prefeito David Almeida, estamos criando as condições necessárias para que as pessoas desses grupos sejam logo imunizadas”, informou a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe.

Mesmo com a chuva, a farmacêutica Patrícia Almeida fez questão de ir à Unip para receber a vacina. “É uma sensação de gratidão, é uma esperança de dias melhores. Já vou começar a contar os dias para tomar a segunda dose”, contou.

O ferreiro armador Gabriel Barbosa, disse se sentir aliviado após tomar a primeira dose do imunizante. “Já peguei uma vez, quase morri, mas agora fico mais tranquilo, me sinto protegido”, afirmou o idoso.

Atendimento

Nesta segunda-feira, 15, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) segue vacinando os remanescentes dos grupos de trabalhadores de saúde e de idosos de 70 anos e mais. Só não podem tomar a vacina pessoas que apresentem algum problema de saúde que impeça a aplicação e que estejam com sintomas de síndromes gripais ou outras doenças na fase aguda. Esses só poderão ser vacinados quando estiverem recuperados.

Em todas as zonas da cidade, a prefeitura tem pontos para a vacinação. Os endereços podem ser encontrados no portal semsa.manaus.am.gov.br e nas redes sociais da Semsa.

Para ser vacinado é necessária a apresentação de documento de identidade original, com foto, e o CPF. Os trabalhadores de saúde devem ter, ainda, o nome nas listas oficiais das secretarias de Saúde do município (Semsa) e do Estado (SES-AM) ou apresentarem comprovação de vínculo com o contracheque. Caso o nome não conste na listagem, o trabalhador deve preencher uma autodeclaração se responsabilizando pela informação de preenchimento dos critérios exigidos para que seja vacinado.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.