Últimas

Prefeitura realiza atualização de cadastro de permissionários

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc), está realizando o recadastramento dos permissionários das galerias populares e terminais de ônibus da cidade.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

A estimativa é que mais de 5 mil lojistas sejam recadastrados.

“Esse é o recadastramento a pedido do prefeito David Almeida, para que a Prefeitura de Manaus e a Semacc possam ter, atualizados, os dados dos permissionários, para que estejam de forma organizada, e que o município possa dar assistência neste momento de pandemia”, explicou Marcos Maia, membro do Conselho Gestor das Galerias Populares e gestor da Galeria dos Remédios.

A atualização de cadastro está sendo realizada no shopping Phelippe Daou (zona Leste), galeria dos Remédios (zona Sul) e galeria Espírito Santo (zona Sul), além dos terminais de integração T2, T3, T4 e T5, que já tiveram os cadastros finalizados, e os camelôs do centro da cidade.

O processo de atualização do cadastro é realizado por equipes da Semacc, que vão até os espaços de trabalho dos permissionários e coletam os dados dos responsáveis pelo empreendimento.

“É importante, por parte da secretaria, para haver monitoramento dos permissionários. E para eles, é importante que seus dados estejam atualizados, permitindo que sejam contemplados por benefícios sociais, por parte da prefeitura”, destacou Marcos Maia.

Segundo o planejamento da secretaria, o último dia para atualização do cadastro será nesta terça-feira, 23/2. A expectativa é de que com essa nova atualização seja possível agilizar o contato direto com os permissionários e atualizar o banco de dados.

“Esse recadastramento é bom, vai nos ajudar, é o que eu penso, e o que a maioria dos colegas aqui também pensa. E a prefeitura vindo aqui, é muito bom, a gente não pode sair daqui para ficar indo lá (na Semacc), e essa ação é muito boa”, destacou Atenagoras Guedes, lojista na galeria dos Remédios.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.