Últimas

Presos são decapitados durante rebelião e têm cérebros arrancados por membros de facção; veja vídeo

Na última terça-feira (23/02), três presídios no Equador foram palcos de rebelião por organizações criminosas. O fato resultou na morte de aproximadamente 62 homens.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

De acordo com o diretor do sistema prisional, Edmundo Moncayo, disse que foi necessário cerca de 800 policiais para controlar as rebeliões que aconteceu nas províncias de Guayas, Azuay e Cotopaxi.

Segundo informações, dois grupos estavam tentando ganhar liderança criminosa dentro dos centros de detenção, e que os confrontos foram precipitados por uma busca por armas realizada na segunda-feira.

Vídeos que circulam pela internet, mostra o momento que os homens são mortos dentro do presídio. Os 62 presos foram brutalmente esfaqueados, tiveram as cabeças decapitada e os cérebros expostos.




Fonte: O Abutre

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.