Últimas

Instituto Monte Castelo ranqueia parlamentares da Câmara Federal

O plenário da Câmara dos Deputados é o local mais movimentado e de tamanha importância, dentro do Congresso, exatamente por ser o termômetro da democracia por representar o povo brasileiro. Por isso, é essencial avaliar como os deputados federais se comportam em plenário, quando tomam decisões que afetarão a vida de 210 milhões de pessoas. E, nós, cidadãos, temos que acompanhar de perto aqueles que elegemos pra nos representar.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O Instituto Monte Castelo (um centro independente de pesquisa em políticas e legislação) publicou, pelo terceiro ano seguido, o Ranking de Plenário, que avalia quais deputados federais contribuem para a construção de um país mais seguro, livre e próspero. Os valores que orientam os critérios deste ranking são ditados por uma Carta de Princípios do instituto, baseada em: respeito às instituições, a liberdade de empreender, uma administração pública eficiente, o combate incessante à corrupção, rigor contra o crime, a preservação da família natural e a defesa da dignidade inerente a toda vida humana.

Uma nota alta no Ranking é um sinal de que o deputado em questão agiu conforme esses valores na hora de votar, embora não seja um atestado de comportamento exemplar fora de plenário. A análise do Ranking de Plenário 2021 levou em conta 12 propostas de lei votadas pela Câmara durante o ano de 2020. As notas vão numa escala de 0 a 10.

Dois parlamentares tiveram nota 10: Caroline de Toni e Daniel Freitas, ambos do PSL de Santa Catarina, Estado que mais se destacou na pesquisa, com uma média de nota de 7,3.

Em seguida, aparece o Amazonas, com média 6,9 e o deputado que mais se destacou foi o Capitão Alberto Neto, do Republicanos/AM, com nota 8,9, ocupando a 15ª posição, mas a primeira do Amazonas. Após o Capitão vem o Delegado Pablo (PSL) na 74ª posição, com nota 8,1, sendo o segundo do Amazonas e, na última colocação do Estado, ficou o Deputado José Ricardo (PT), na posição 433 com nota 3,1.

No cenário nacional, a pior nota (0,4) coube ao Deputado Glauber Braga, do PSOL do Rio de Janeiro.

Lista dos deputados do Amazonas no ranking nacional:

15º CAPITÃO ALBERTO NETO – 8,9

74º DELEGADO PABLO PSL AM – 8.1

88º BOSCO SARAIVA SOLIDARIEDADE AM – 7.7

128º MARCELO RAMOS PL AM – 7.3

128° SILAS CÂMARA REPUBLICANOS AM 7.3

128° ÁTILA LINS PP AM 7.3

307° SIDNEY LEITE PSD AM 5.8

433° JOSÉ RICARDO PT AM 3.1

Fonte: Assessoria de Imprensa do Dep. Cap. Alberto Neto

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.