Últimas

Presidente da ONG Instituto Aldeia Animal pede ajuda para conter epidemia de cinomose no município de Novo Airão

Em um pedido de socorro, a ONG Instituto Aldeia Animal localizado no município de Novo Airão (AM), está solicitando ajuda para comprar remédios para combater o surto de cimose que atingiu os animais da região.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

A cinomose é uma doença altamente contagiosa entre os animais silvestres, mas os mais afetados são os cachorros. Sem cura e apenas com tratamento, a cinomose atacada todos os sistemas do animal infectado (digestivo, respiratório e nervoso), e sua transmissão é muito rápida, seja através de espirros, fezes, secreções oculares, nasais ou até mesmo pelo ar, um cachorro contaminado pode transmitir para outro em questões de segundos. E cerca de 85% dos animais contaminados vem a óbito.

Por ser uma doença que não tem cura, apenas tratamento, à presidência do Instituto Aldeia Animal, Isabela Brelaz, decidiu realizar uma vaquinha on-line para arrecadar fundos para comprar medicamentos necessários para o tratamento dos animais de Novo Airão, pois o município entrou em um surto de cinomose que vem contaminando os animais e causando dor e sofrimento para os pequenos.

“A única forma de prevenção é a vacina importada, que custa 60 reais a dose e o tratamento é feito para os sintomas. As famílias não tem condições de arcar com isso e estão perdendo 3, 4, 5 cães de uma vez só. Nossa meta é conseguir vacinar e tratar o máximo de cães possíveis. A situação está muito difícil e precisamos de ajuda” relatou Isabela.

Os interessados em ajudar a situação dos pequenos de Novo Airão podem entrar em contato pelo Instagram no @institutoaldeiaanimal.

Toda ajuda é bem-vinda, os cachorrinhos agradecem.

Pix: 001.436.622-36 (Isabela Brelaz)

Link da Vakinha: vaka.me/1901592

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.