Últimas

Ações de incentivo cultural e Auxílio Estadual para a Cultura, Esporte e Turismo amenizam impacto da pandemia

Pacote de medidas anunciado pelo Governo do Estado nesta terça-feira (27/04) deve alcançar 13 mil trabalhadores do Amazonas

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Com o pacote de ações para o setor cultural e de economia criativa do Amazonas, em conjunto com o Auxílio Estadual a ser disponibilizado para trabalhadores de Cultura, Esporte e Turismo, o Governo do Estado vai amenizar o impacto da pandemia em três áreas que tiveram suas atividades retraídas ou paralisadas. O benefício de R$ 600, dividido em três parcelas, deve alcançar aproximadamente 13 mil trabalhadores.

O anúncio ocorreu nesta segunda-feira (27/04) e mostra o compromisso do Governo do Estado em amparar os setores, por meio da ampliação da política de auxílio emergencial. Os Projetos de Leis foram aprovados por unanimidade na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) na última terça-feira (20/04). Todas as informações e critérios para receber o auxílio estarão disponíveis no endereço eletrônico auxilio.am.gov.br.

Para a Cultura, a estimativa é investir R$ 20,4 milhões, soma de todo o pacote de ações, que contempla o Auxílio Estadual, repasse de recursos para municípios, lançamento de editais para realização de atividades artísticas de conteúdo virtual e para aquisição de obras de arte e acervo bibliográfico. O valor é oriundo da redistribuição de recursos previstos para realização de grandes eventos que estavam no calendário da secretaria.

O secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, destacou que a assistência alcançará cerca de 7,5 mil trabalhadores, tanto da capital quanto do interior. Ele considerou o anúncio das ações de extrema importância para a cadeia de cultura amazonense, uma das mais afetadas pelas mudanças em virtude da pandemia da Covid-19.

“A área da Cultura foi uma das mais afetadas, ainda sem uma perspectiva clara de quando poderemos liberar de forma efetiva as atividades. Com isso, os profissionais da cultura estão desde março do ano passado sem poder trabalhar, sem poder desenvolver sua atividade. Certamente, esse auxílio juntamente com todas as iniciativas que o governo vem implementando estão podendo amenizar o impacto da pandemia na cadeia econômica da cultura do Amazonas”, destacou Marcos Apolo.

Relevância – No setor de turismo, o Auxílio Estadual do governo deve chegar a 562 trabalhadores da área, entre 378 guias de turismo e 184 cooperados (canoeiros, piloteiros, barqueiros e outros), segundo a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur).

O diretor-presidente da Amazonastur, Sérgio Litaiff Filho, disse que devido à pandemia, o setor acabou sendo impactado de forma severa, já que muitos trabalhadores estão há mais de um ano sem qualquer tipo de atividade profissional.

“De fato esse auxílio já chega em boa hora, para ajudar e fortalecer na retomada das atividades. Nenhum dos profissionais está trabalhando da forma que gostaria, dentro das normalidades. O auxílio chega numa hora em que eles já buscavam algum tipo de auxílio do governo. Agradeço a sensibilidade do governador Wilson Lima e da Assembleia Legislativa por votação unânime que concedeu esse auxílio para o Turismo, Cultura e Esporte”.

O diretor-presidente da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (FAAR), Jorge Oliveira, considerou o Auxílio Estadual uma política que faz ressurgir esporte no estado em tempos de pandemia, beneficiando mais de 5 mil pessoas entre atletas e paratletas, selecionados por meio das 70 federações ativas no estado.

“A importância para o esporte é muito significativa. É uma das áreas que mais foram afetadas com a pandemia, pelo fechamento das academias, dos espaços públicos voltados para o esporte. Nós tivemos muita debilidade econômico-financeira do esporte. Esse auxílio reacende a chama do esporte. Nós acreditamos que a partir dessa semente do governador, desse olhar voltado para o esporte, o nosso esporte vai ressurgir de uma forma grandiosa”, enfatizou o titular da FAAR.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.