Últimas

Coronel Bonates defende prioridade na vacinação da segurança

O secretário de Segurança Pública do Amazonas, Coronel Louismar Bonates, defendeu que o Brasil priorize a vacinação de policiais e bombeiros contra a Covid-19. A proposta foi um dos pontos discutidos, nesta quarta-feira (14/04), durante a reunião do Conselho Nacional dos Secretários de Segurança, em Brasília (DF), que teve a participação do presidente Jair Bolsonaro e do Ministro da Justiça, Anderson Torres.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O encontro ocorreu no Palácio da Justiça e também tratou de propostas para ampliar repasses, aos Estados, de recursos do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP), assim como diversificar as fontes de financiamento ao setor. Bonates falou da experiência do Amazonas com a imunização dos profissionais da segurança contra a Covid-19, que deve alcançar 5 mil trabalhadores.

“A segurança é uma área prioritária, que está na linha de frente do enfrentamento. Os profissionais estão diariamente nas ruas, seja no cumprimento das ações policiais, que não pararam, seja no apoio à ordem pública em todos os momentos, sobretudo naqueles mais críticos, além de, é claro, o auxílio mais direto à saúde”, disse.

No Amazonas, servidores da segurança pública participam da fiscalização dos decretos sanitários de prevenção da Covid-19 e atuam, ainda, em ações importantes como escolta e transporte de insumos hospitalares. Helicópteros do Departamento Integrado de Operações Aéreas, da SSP, por exemplo, vêm sendo usados para transportar vacinas e cilindros de oxigênio para municípios mais distantes.

No atendimento médico, os bombeiros da saúde também estão sendo empregados, diretamente, no atendimento aos pacientes acometidos pela Covid-19.

Segundo Bonates, o encontro também serviu para agradecer o apoio federal ao Estado. “O Ministério da Justiça é um grande parceiro do Amazonas e tem nos atendido em todos os pleitos, necessários para o fortalecimento da segurança pública. Nesse encontro com o Ministro Anderson Torres, pudemos fortalecer isso, falando da importância do apoio do ministério no resultado que estamos alcançando no combate à criminalidade”, enfatizou Bonates.

No encontro com os secretários, Anderson Torres disse que sua meta é fortalecer a integração das forças e a valorização do policial.

“Proveremos cursos para o crescimento pessoal e profissional de toda a tropa e apoiaremos logisticamente a todo o Brasil, permitindo que nossos profissionais da segurança pública disponham de equipamentos cada vez mais modernos e eficientes”.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.