Últimas

Prefeitura de Manaus realiza obra de drenagem profunda em via do bairro Cidade de Deus

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), trabalha na implantação de uma rede de drenagem profunda com aproximadamente 250 metros de extensão, na rua Maguaris, localizada no bairro Cidade de Deus, zona Norte da capital.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Os serviços de infraestrutura básica ocorrem desde o dia 31/3, e seguem em ritmo acelerado.

Dez servidores da Seminf trabalham na obra, executando os serviços de implantação de 250 tubos, com média de 60 a 80 metros de diâmetros, além do assentamento de meio-fio, sarjeta e calçada, para posteriormente executarem os serviços de recapeamento em todo o trecho da via.

De acordo com o vice-prefeito e secretário municipal de Infraestrutura, Marcos Rotta, os trabalhos visam implantar uma rede de drenagem nova e moderna, para possibilitar o escoamento adequado das águas das chuvas e evitar alagamentos, oferecendo uma infraestrutura de melhor qualidade para todos, seguindo determinação do prefeito David Almeida.

“A Seminf tem como rotina os trabalhos de recuperação e implantação de drenagens profundas. Estamos substituindo antigas redes por novas e modernas, sempre em manilhas de concreto, que têm a capacidade de suportar um volume maior de águas. São ações necessárias, dada a antiguidade de algumas estruturas muito arcaicas e que se rompem por não comportarem mais o fluxo de águas”, explicou Rotta.

Segundo os moradores da área, a antiga drenagem estava prejudicando os moradores, porque não comportava o volume d’água e, em dias de chuvas, a rua fica bastante alagada com o acúmulo de águas.

Para Alcino Jacó, moradora da rua Manguaris, a obra vai solucionar de forma definitiva os transtornos da via, que causavam diversos danos materiais aos moradores e dificuldades de acesso. “Esse trabalho que está sendo realizado pelas equipes da prefeitura vai acabar com o nosso sofrimento nessa área. Tínhamos prejuízos com relação aos nossos móveis, que sempre flutuavam quando chovia”, disse.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.