Últimas

Boxeador Félix Verdejo é acusado de matar amante grávida

Está preso o boxeador olímpico Félix Verdejo, 27 anos, sob acusação de ter assassinado a amante grávida. O esportista se entregou no domingo (2/5) à Polícia de San Juan, em Porto Rico, após as evidências o apontarem como principal suspeito do crime.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÕNICO

Uma queixa criminal apresentada pelo FBI retrata que o assassinato ocorreu de forma cruel. Verdejo teria dado um soco no rosto da amante e injetado uma substância no corpo da mulher com uma seringa. Depois, prendido seus braços e pernas com fios de arame e a amarrado em um grande pedaço de concreto. O boxeador, então, teria jogado a mulher de uma ponte no lago, o que dificultou a polícia encontrar o corpo. As buscas começaram na última quinta-feira (29/4).

Keishla Rodriguez foi identificada no domingo por meio de registros odontológicos, conforme explicou o Instituto de Ciência Forense de Porto Rico, por meio de um comunicado.

Uma testemunha ouvida pelas autoridades locais afirmou ter visto o momento em que o boxeador jogou o corpo no lago. A vítima era amiga de infância de Verdejo e a família diz que ela estava grávida dele, que é casado.

Verdejo, que representou Porto Rico nos Jogos Olímpicos de Londres (2012), não se pronunciou sobre as acusações, assim como seus advogados.

As informações são do Metrópoles

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.