Últimas

Governador Wilson Lima leva Auxílio Estadual Enchente para população de Careiro da Várzea

O governador Wilson Lima coordenou as ações da Operação Enchente 2021 no Careiro da Várzea, município na calha do Baixo Solimões, nesta segunda-feira (24/05). A população atingida pela cheia recebeu o Auxílio Estadual Enchente, 3 mil cestas básicas com alimentos não perecíveis e 2,5 mil cestas com produtos agrícolas, além de operações de crédito, anistia de dívidas e suspensão da tarifa de cobrança da tarifa de água.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Segundo a Secretaria Executiva de Ações de Proteção e Defesa Civil, há, em Careiro da Várzea, 24.087 pessoas atingidas, 6.021 famílias afetadas, 482 pessoas desabrigadas e 7.226 pessoas desalojadas. O Amazonas tem atualmente 52 municípios acometidos pela enchente, com 455.573 pessoas afetadas e 111.096 famílias atingidas pelo desastre.

É a 14ª vez durante a cheia deste ano que Wilson Lima coordena as ações da operação Enchente 2021 nos municípios.

“Nós estamos fazendo, hoje, a entrega de cestas básicas. Também iniciamos a entrega do Auxílio Estadual que é um cartão no valor de R$ 300, e a família tem liberdade para comprar aquilo de que ela está mais necessitada nesse momento. Também começamos a perdoar dívidas que foram contraídas na Afeam (Agência de Fomento do Estado do Amazonas), daquelas pessoas que tiveram a sua produção atingida, ou seu estabelecimento comercial. E as nossas equipes continuarão aqui, dando esse apoio, para a gente superar o mais rápido possível essa enchente”, ressaltou o governador.

Auxílio Estadual – O governador Wilson Lima anunciou a segunda fase de distribuição do Auxílio Estadual Enchente para atender, além de Careiro da Várzea, os municípios de Juruá, Guajará, Ipixuna, Eirunepé, Itamarati, Carauari, Manaus, Anori, Manacapuru e Envira com 38 mil cartões, cada um com o valor de R$ 300.

A distribuição é feita em parceria entre a Defesa Civil do Estado e dos municípios. Os seis primeiros municípios a receber os 13.513 cartões do Auxílio Estadual Enchente estão sendo os de Pauini, Canutama, Boca do Acre, Tapauá, Lábrea e Anamã. A entrega aos moradores tem sido feita gradativamente, priorizando famílias e comunidades de difícil acesso, atingidas pela cheia dos rios.

O Auxílio Estadual Enchente foi lançado em 6 de maio por Wilson Lima. O benefício, pago em parcela única de R$ 300, será concedido para 100 mil famílias, em todo o estado, que tiverem suas moradias invadidas pela cheia dos rios.

O Auxílio Estadual Enchente está injetando R$ 30 milhões na economia. Com isso, os investimentos do Governo do Estado na enchente 2021 somam R$ 97 milhões, uma vez que as demais ações da Operação Enchente têm previsão total de R$ 67 milhões em recursos.

Os critérios para receber o benefício e outras informações estarão disponíveis em: auxilio.am.gov.br. A lista dos estabelecimentos credenciados a receberem o Auxílio Estadual Enchente em todos os municípios está disponível no site: http://www.defesacivil.am.gov.br/

Alimentos – No Careiro da Várzea, o Governo do Amazonas entregou 3 mil cestas básicas com alimentos não perecíveis por meio Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas). Também foram entregues outras 2,5 mil cestas com produtos agrícolas por meio da Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror).

“Eu agradeço por ter sido contemplada. Não está sendo fácil, porque o nosso ganho totalmente parou, do que a gente trabalha, do que a gente ganha”, disse Glaciane Barbosa, contemplada com cesta básica.

Os produtos agrícolas foram adquiridos junto a nove produtores rurais familiares do município do Careiro da Várzea com recursos da ordem de R$ 23,8 mil. A ação se desenvolve por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade compra com doação simultânea, do Ministério da Cidadania, e é parte integrante do Plano Safra 2021/2022.

Um total de sete toneladas de produtos agrícolas, como abacaxi, banana-pacovã, couve, espinafre, laranja, macaxeira e maxixe, todos produtos de origem orgânica, atenderão famílias em situação de vulnerabilidade alimentar, cadastradas pelo Centro de Referência em Assistência social (Cras) do Careiro da Várzea.

Tarifa de água – O Governo do Amazonas, por meio da Companhia de Saneamento Básico do Amazonas (Cosama), irá suspender a cobrança da tarifa de água por 60 dias como medida de apoio às famílias do município de Careiro da Várzea. Aproximadamente 2,8 mil pessoas da zona urbana serão beneficiadas.

No município, a estrutura da Cosama conta com dois reservatórios e uma Estação de Tratamento de água compactada. A captação é superficial, ou seja, direto do rio.

Crédito e anistia – Outra medida para reduzir os impactos da cheia são operações de crédito e perdão de dívidas. Neste ano, o Governo do Amazonas, por meio da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam), aplicou mais de R$ 60,3 mil no Crédito Emergencial no município de Careiro da Várzea em 10 operações. Na Renegociação Emergencial, foram cinco operações resultando em mais de R$ 45 mil renegociados. Foram 29 concessões de anistia de dívidas, que totalizam mais de R$ 186,7 mil.

“A anistia do governador chega numa hora boa, porque a situação nossa é difícil. Então vai ser muito importante. Eu fico grato com o governador, dele fazer isso, não só comigo, com todo mundo aqui do Amazonas”, disse Raimundo José Brito.

Operação Enchente – Desde fevereiro, o Governo do Estado está executando uma série de ações para minimizar os impactos das famílias vítimas da cheia. A Operação Enchente 2021 tem chegado aos municípios em Situação de Emergência decretada em razão da cheia.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.