Últimas

PC-AM deflagra segunda fase da operação ‘Impacto’ no combate à violência e criminalidade em Eirunepé

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio das equipes de investigação da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Eirunepé (a 1.160 quilômetros da capital), deflagrou, no sábado (22/05) e domingo (23/05), a segunda fase da operação “Impacto”, que culminou nas prisões em flagrante de Francisco Elton de Souza, de 30 anos, por furto, e Manoel Filho Aguiar, 26, por lesão corporal. As prisões aconteceram em bairros distintos, naquela localidade.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

A ação policial teve como objetivo combater a violência e a criminalidade naquela região, e contou com o apoio da Secretaria de Segurança Pública do município, da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Guarda Civil Municipal (GCM), além de agentes do Conselho Tutelar.

Conforme o investigador de polícia, Gonzaga Júnior, gestor da DEP, as equipes policiais ficaram em pontos estratégicos da cidade, onde sempre acontecem crimes frequentes e, no decorrer da ação, flagraram Francisco e Manoel cometendo delitos.

“No decorrer da ação, realizamos 230 abordagens de pessoas que estavam em atitudes suspeitas, apreendemos 24 adolescentes, 16 motocicletas e um carro. Ao todo, contamos com um efetivo de 40 profissionais da área de segurança pública e seis viaturas”, informou Gonzaga.

De acordo com o gestor, a segunda fase da operação “Impacto” foi bastante positiva para o combate aos crimes em Eirunepé. Com esse resultado, a terceira fase já está em fase de planejamento e será mais rígida visando combater também as festas clandestinas que ocorrem na região.

Procedimentos – Francisco e Manoel foram encaminhados à unidade policial, sendo Francisco foi autuado por furto, e Manoel, por lesão corporal. Eles seguem custodiados na carceragem da unidade policial, à disposição da Justiça. Os veículos também foram levados à delegacia.

Já os adolescentes foram ouvidos pelo Conselho Tutelar e, em seguida, foram liberados e encaminhados aos pais e responsáveis.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.