Últimas

Prefeitura lança projeto ‘Ciclos da Vida’ visando a segurança dos ciclistas


A Prefeitura de Manaus lançou, na manhã deste domingo, 23/5, o projeto “Ciclos da Vida” com foco na segurança e melhor infraestrutura para ciclistas da capital amazonense. 

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Como parte do lançamento do projeto, os participantes realizaram um passeio ciclístico, promovido por grupos de ciclistas e em parceria com o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), pelo complexo turístico Ponta Negra, na zona Oeste da cidade.

O projeto faz parte das ações da campanha "Maio Amarelo'', com foco na redução de acidentes de trânsito e de vítimas fatais em todo o país. Elaborado pelo Departamento de Estatística e Educação para o Trânsito do IMMU, o projeto tem o apoio de secretarias municipais parceiras, além de movimentos de ciclistas da capital.

“Está no plano de governo do prefeito David Almeida incentivar e valorizar o modal de bicicleta, tanto para passeio quanto para os que o utilizam para o trabalho. Estamos lançando, neste mês do Maio Amarelo, este projeto ‘Ciclos da Vida’ para conscientizar a população de que eles também têm espaço nas vias e fazem parte do sistema de trânsito”, disse o diretor de Engenharia e Educação de Trânsito do IMMU, Uarodi Guedes.

Para o coordenador do grupo de ciclistas “Brutos e Brutas”, Carlos Morales, a criação de um projeto que atenda a circulação, o respeito e a conscientização para os ciclistas no trânsito é um anseio dos grupos de ciclistas e que a prefeitura atendeu.

“Já estamos, há algum tempo, à procura de apoio para nossa classe, e agora a prefeitura nos atendeu. Precisamos sensibilizar os motoristas de que em cima de uma bicicleta tem uma vida. A gente está apostando muito nessa iniciativa e assim possamos salvar vidas”, frisou.

O “Ciclos da Vida” surge a partir da análise de que a bicicleta já se tornou um meio de transporte viável para mobilidade urbana, além de contribuir para melhoria do meio ambiente e para a promoção da inclusão social, reduzindo riscos e eventuais conflitos quanto ao uso da bicicleta, além de sensibilizar a população para a mudança de cultura e estilo de vida. 

Além de incluir melhorias da sinalização viária, propor o comportamento seguro e respeito aos ciclistas, por parte dos profissionais condutores de transporte coletivo de todas as modalidades vigentes

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.