Últimas

Britney admitiu à Justiça que sente medo do próprio pai, revelam documentos sobre tutela

No caso em que tenta encerrar a tutela da sua vida e bens controlada pelo pai, Jamie Spears, Britney Spears admitiu à Justiça que sente medo do próprio pai e revelou alguns momentos assustadores causados por ele em sua vida. Na quarta-feira (23) está prevista uma nova audiência sobre o caso, em que a cantora falará sobre o assunto.



Segundo o The New York Times, nos documentos confidenciais constam que Britney tenta tirar o pai da tutela desde 2014. A defesa da cantora afirmou à Corte que ela já foi forçada a fazer shows mesmo doente. “[Britney] alegou ter sido forçada a se apresentar enquanto estava doente com uma febre de 40 graus, considerando esse um dos momentos mais assustadores de sua vida”.

Ela também afirmou que foi forçada a entrar em uma clínica de reabilitação, contra a sua vontade, para cuidar da saúde mental. Ainda segundo o jornal, foi relatado que seu pai lhe imputava consequências “muito pesadas” quando percebia qualquer “erro” por parte dela e a tutela lhe trouxe “muito medo”.

Outros argumentos apresentados por Brit foram que o pai tinha problemas com álcool e comportamento controlador, e tentava interferir em tudo na sua vida - desde namorados até a cor escolhida para armários da cozinha. Ele ainda teria feito grandes cortes nos ganhos de Britney para aumentar o seu próprio salário. A cantora teria passado a receber, da grande fortuna que ela própria construiu, apenas uma ajuda de custo de US$ 2 mil por semana (em torno de R$ 10 mil).

Britney não costuma falar sobre a tutela em público, mas em 2016, disse a um perito da Justiça que queria que isso terminasse assim que possível e que acreditava que estavam tirando vantagem dela, além de dizer que o papel do pai era “opressivo e controlador”.

Nos Estados Unidos, a tutela é decretada por um tribunal para pessoas incapazes de tomar decisões por si mesmas. A cantora sofreu um surto em 2007 após o abuso de bebidas alcoólicas e substâncias ilegais, e desde então enfrenta problemas na Justiça, entre eles em relação à guarda dos filhos. Com informações de Hugo Gloss e The New York Times.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.