Últimas

Chefe da Guarda Municipal é preso por envolvimento a ataques criminosos no Amazonas

Manaus/AM - O chefe da Guarda Municipal do Careiro Castanho, Jair Gomes de Moura, de 47 anos, foi preso na manhã desta sexta-feira (25), após novo desdobramento da operação ‘Mãos de Ferro’, da Polícia Civil. 


A prisão do suspeito ocorreu na Rua dos Reis, bairro Vista Alegra, no município, e contou com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

De acordo com a polícia, o homem é apontado como colaborador de uma facção criminosa que ordenou ataques aos órgãos públicos da Prefeitura do Careiro Castanho, ocorridos entre os dias 5 e 7 deste mês. “A mando da facção, o servidor foi cooptado para dar apoio na realização dos ataques”, explicou a delegada-geral, Emília Ferraz.

Segundo a polícia, o homem aproveitou da aproximação com a Segurança Pública da localidade para conseguir informações da operação ‘Mãos de Ferro’ e repassar aos criminosos.

A polícia ainda constatou que o homem é responsável por ter apagado imagens de uma câmera de segurança do prédio da Prefeitura, que teriam captado momento exato dos ataques.

Em razão do vazamento de informações, foi decretado os mandados de prisão preventiva e busca e apreensão, ambos expedidos nessa quinta-feira (24), pelo juiz Roberto Santos Taketoni, da Comarca do Careiro Castanho.

Jair Gomes de Moura vai responder por crimes de associação criminosa, associação para o tráfico e fraude processual. Ele irá para triagem e ficará à disposição da Justiça.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.