Últimas

Entenda o que é o golpe do 'PIX agendado'

Circula pelas redes sociais uma suposta armadilha, em que criminosos estariam usando a função de agendamento do PIX para aplicar golpes. Segundo o Banco Central, o conteúdo é falso e a descrição da armadilha montada pelos golpistas não funcionaria na prática. 


De acordo com o G1, na mensagem que está sendo compartilhada na internet, a vítima recebe uma notificação de um PIX de um desconhecido, mas a transferência estaria na "opção agendada".

A pessoa que supostamente enviou o dinheiro entra em contato com a vítima e afirma ter feito a transferência por engano, solicitando o valor de volta. A vítima, então, faz um PIX no valor equivalente. Em seguida, o golpista cancela o agendamento realizado originalmente.

Segundo o Banco Central, embora exista a ferramenta de agendamento para o PIX, a descrição do golpe não passaria de um boato, já que o banco que recebe uma transferência agendada não tem como saber que existe um PIX para uma conta em uma data futura.

Sendo assim, a vítima não teria como receber a notificação de um valor que caiu em sua conta, como descreve a mensagem que circula nas redes.

Ainda segundo o BC, o recebedor só tem conhecimento da transação quando o agendamento chega à data marcada e quando o dinheiro cai na conta.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.