Últimas

Jucea registra crescimento de 56,3% em aberturas de empresas em 2021

A Junta Comercial do Estado do Amazonas (Jucea) registrou, nos cincos primeiros meses de 2021, um total de 3.429 novas empresas no estado. Um crescimento de 56,3% em comparação ao mesmo período de 2020, que teve a constituição de 2.193 novos empreendimentos. Os dados são do Sistema de Registro Mercantil (SRM) da autarquia.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O mês de maio é o terceiro período consecutivo com o melhor número de constituições de empresas nos últimos cinco anos, com um total de 727 novos Cadastros Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJs), atrás apenas dos meses de março, que obteve 854 novas aberturas, e de abril, com 730 novos empreendimentos.

Já em uma comparação com maio de 2020, que registrou 341 novas empresas, o mês de maio deste ano consolidou um crescimento de 113%.

Os dados da Jucea não incluem os Microempreendedores Individuais (MEIs), que são constituídos de forma virtual, por meio do portal do Empreendedor, do Governo Federal.

Segundo a presidente da Jucea, Maria de Jesus Lins, a expectativa do órgão é de continuar com o crescimento exponencial de aberturas nos próximos meses devido aos incentivos e facilidades para o empresariado.

“Mesmo com todos os desafios impostos pela pandemia da Covid-19, o Governo de Amazonas continua a cuidar dos nossos empresários e, com o trabalho de uma junta 100% digital, que investe em tecnologias e mão de obra qualificada, vamos manter a alta consolidação de novas empresas no estado”, projeta a presidente.

Tipo empresarial – Entre os tipos empresariais mais registrados no Amazonas em maio, em primeiro lugar ficou a natureza jurídica de Empresário Individual, com 298 constituições. Em seguida, vêm a Sociedade Empresarial Limitada (quando o negócio tem dois ou mais sócios), com 244 novos CNPJs, e a Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli), com 181 novas aberturas.

Arrecadação – Conforme dados do SRM, a Jucea recolheu no mês de maio o valor de R$ 1.285.110,90 em taxas.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.