Últimas

Mulheres denunciam pastor de 85 anos por crimes sexuais em igreja

A Polícia Civil do Goiás investiga um caso onde o pastor Joaquim Gonçalves Silva, de 85 anos, é denunciado, ao menos quatro mulheres, por ter cometido abuso e importunação sexual entre os anos de 2002 e 2021. 


A defesa do pastor nega as acusações e afirma que elas fazem parte de uma tentativa de retirar o religioso do comando da igreja.

O pastor congrega na Igreja Tabernáculo da Fé. O G1 tentou contato com a secretaria do local, mas as ligações não foram atendidas.

Os abusos aconteceram em momentos de fragilidade, quando elas foram pedir conselhos ao religioso.

No caso mais recente, uma adolescente de 17 anos relatou em um vídeo publicado nas redes sociais que, em de janeiro de 2021, o pastor chegou a beijá-la quando ela esteve em seu escritório pedindo ajuda sobre o seu casamento, que estava em crise.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.