Últimas

Organização usava empresas de fachada para fortalecer o tráfico de drogas no AM, diz SSP

Manaus – Os suspeitos de ordenarem os ataques em Manaus nos últimos dias foram presos na manhã desta sexta-feira (18) durante a Operação “Coalizão Pelo Bem”, deflagrada pelas Polícias Civis do Amazonas, Rio de Janeiro e Pará.

Foto: Divulgação/ BLITZ AMAZÔNICO

Entre os presos estão Marcelo da Silva Nunes, o Marcelão, cunhado de Gelson Carnaúba, líder da facção criminosa Comando Vermelho (CV).

Durante entrevista coletiva, a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) informou que o CV utilizava o sistema bancário e empresas de fachada para envio de dinheiro para o Amazonas, com a finalidab de de fortalecer o tráfico de drogas. Em aproximadamente um ano e meio, o valor chegou a R$ 126 milhões.

A polícia também informou que a organização comanda o tráfico de drogas na Tríplice Fronteira, no interior do Amazonas.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.