Últimas

Prefeitura revitaliza rua no Novo Israel para garantir acesso aos moradores

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), iniciou nesta terça-feira, 15/6, as obras de revitalização da rua Santa Isabel, no bairro Novo Israel, zona Norte da cidade.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O local estava abandonado há mais de 13 anos e era inacessível aos moradores. Agora, as equipes trabalham na terraplanagem e, na sequência, será realizada a pavimentação de 400 metros de extensão.

Ao tomar conhecimento da situação da via, o vice-prefeito e secretário municipal de infraestrutura, Marcos Rotta, imediatamente, determinou que fosse iniciada a obra. Uma equipe com oito homens da Seminf trabalha com máquinas retroescavadeiras e rolos compressores. “A rua Santa Isabel estava completamente abandonada, com barro e muito mato. Pedestres e veículos já não tinham acesso. O prefeito David Almeida e eu visitamos os bairros diariamente e ouvimos os moradores que conhecem muito bem a realidade da nossa cidade”, explicou Rotta.

Ainda segundo Rotta, os serviços são intensificados no local, para serem entregues no menor prazo possível. A ação beneficia aproximadamente 40 famílias que estavam com dificuldades de locomoção.

“Nossas equipes estão empenhadas nessa obra, principalmente, porque ela envolve uma questão de saúde, de salvar vidas, e isso para nós é prioridade. No local, já foi feita a limpeza da área para a retirada do mato que cobria quase toda a via. Também faremos os serviços de terraplanagem e, ainda hoje, vamos iniciar a preparação da base para a implantação da massa asfáltica”, afirmou Rotta.

Isaac Cavalcante, morador antigo da rua, foi quem fez o pedido da obra, para que a filha, Késsia Cavalcante, 20 anos, que está doente em decorrência de uma meningite, possa voltar a fazer o seu tratamento, que está suspenso devido o carro não entrar no local há meses, dificultando o acesso ao pronto-socorro.

“Minha filha não fala e nem pode se locomover. Ela necessita fazer tratamento no hospital Adriano Jorge, na Cachoeirinha, que é longe daqui. A Késsia precisa de transporte e, por conta da falta de acesso à rua, o veículo para na esquina, e eu tenho que carregá-la no colo por, pelo menos, 100 metros, isso requer cuidados redobrados, porque ela tem problemas ósseos graves. Se o veículo que a leva ao hospital parasse em frente à minha casa, seria um sonho, e eu sei que, com essa obra feita pela prefeitura, esse sonho em breve será realizado, melhorando a minha vida e a da minha filha”, concluiu o morador.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.