Últimas

Psiquiatra diz que Lázaro não tem como ser corrigido

Procurado há mais de 10 dias nas matas do Goiás por suspeita de matar uma família, cometer estupros e ameaçar moradores, Lázaro Barbosa possui uma patologia grave que, se for solto ou fugir novamente, sempre vai voltar a delinquir. 


O psiquiatra forense Guido Palomba disse ao Uol que o suspeito é extremamente inteligente. “Ele raciocina. Ele não tem nenhuma forma de ser corrigido, ou seja, ele nasceu assim, se desenvolveu assim com essa característica patológica. É um indivíduo de altíssima periculosidade”, afirmou Palomba.

Segundo o estudioso, ainda não se pode afirmar que Lázaro é um serial killer, mas já se sabe que ele é um "condutopata". "Ele fica na zona fronteiriça entre a loucura e a normalidade mental. Os assassinos em séries normalmente são condutopatas que realizam os crimes da mesma maneira", explica.

Lázaro é suspeito de matar quatro pessoas de uma mesma família no Distrito Federal no último dia 9. Ele também teria atacado idosos com golpes de machado em Goiás e fazer outra família refém.

Ele já havia sido condenado por homicídio, na Bahia, e por estupro e roubo com arma de fogo, em Brasília. Preso em outra oportunidade, ele fugiu.

Agora, mais de 200 homens da polícia estão na caçada por Lázaro. Até agentes da Força Nacional estão atuando nas buscas.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.