Últimas

Caso Henry Borel: Juiz mantém prisão de Jairinho e Monique Medeiros

A Justiça do Rio de Janeiro decidiu manter as prisões do ex-vereador Jairinho e da mãe do menino Henry Borel, Monique Medeiros.

Os advogados do casal entraram com pedidos de relaxamento das medidas, mas o juiz Daniel Werneck Cotta, indeferiu todos eles levando e consideração os aspectos do crime.

No documento da decisão, divulgado essa manhã (20), pelo jornal O Globo, o magistrado afirma que os crimes pelos quais Jairinho e Monique respondem são de “gravidade concreta” e que a prisão de ambos é necessária para que a investigação transcorra de forma segura sem intervenção dos réus.

“As imputações destacadas sugerem, ainda, a vontade de não se submeter à persecução criminal, evidenciando contrariedade à eventual aplicação da lei penal, que também deve ser assegurada pela prisão preventiva. Nesse ponto, como anteriormente destacado, importante rememorar que os réus, no momento de cumprimento dos mandados de prisão temporária expedidos, foram localizados em endereço diverso daquele por eles fornecido às autoridades”, diz um trecho do documento.

 

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.