Últimas

DJ Ivis mostrou foto íntima da mulher para amigo e puxou faca em briga

Pamella Holanda concedeu uma entrevista para o Fantástico nesse domingo (18) e deu detalhes sobre as agressões que sofreu do então marido, o DJ Ivis. 


Os dois começaram a namorar em 2019 e os dois foram morar juntos em janeiro de 2020. “Quando comecei a morar com ele, ele já começou a me agredir. Começou verbalmente: palavrão, grosserias. Eu estava grávida de cinco para seis meses. Me segurou pelo pescoço e foi me arrastando do corredor até o sofá... Teve outras. Time medo, vergonha, eu tava realizando um sonho, eu tava grávida. Sempre quis ser mãe”, contou.

Em outubro do ano passado, Pamella deu à luz a Mel e as agressões não pararam. Em vídeos divulgados na internet, Pamella chega a ser agredida na frente da filha de poucos meses. “Ele me agride com a blusa, depois veste e começa a falar várias coisas. Eu insisto muito e vou no carrinho para amamentar ela. Aí, é a hora que ele me puxa meu cabelo, me bate e esbarra no carinho. Os médicos recomendavam para a neném, mas ele não queria de jeito nenhum porque dizia que ela ia pegar covid. [Minha mãe] pediu para ele não fazer. Ela só conseguiu fazer isso”, disse ela contando que a mãe não teve outra reação ao vê-la sendo agredida.

Pamella contou ainda que a agressão em fevereiro desse ano foi motivada após Ivis mostrar uma foto íntima dela para um amigo. “A gente começou a discutir porque ele mostrou uma foto minha íntima para o Charles. Ele me agride e vou pra cima dele, mas ele se esquiva. Quando eu dou as costas, ele me dá um soco, um chute. O soco nas costas eu fiquei sem respirar”.

A gota d’água para Pamella denunciar as agressões foi após o casal se mudar para uma casa nova, em Eusébio, no Ceará. Ela o chamou para discutir sobre uma suposta traição e Ivis se irritou. “Ele começou a me socar as costas, me chutou nas minhas pernas. Não lembro se lembro nessa hora que tentei me defender e o soco pegou no meu olho ou se foi uma cotovelada”, contou ela, afirmando que uma babá estava em seu primeiro dia de trabalho presenciou tudo e foi demitida por Ivis.

No dia seguinte uma nova briga aconteceu e, dessa vez, Ivis pegou uma faca. “Desci umas 10h, quase 11h para poder fazer o leite dela e já começou a discutir. A funcionária dele também estava na hora na cozinha. Foi na hora que ele pegou uma faca na gaveta da cozinha. A funcionária dele foi e segurou braço dele”, disse, que em seguida saiu correndo e pediu ajuda de funcionários do condomínio.

A polícia foi acionada e Ivis negou as agressões. Com medo, Pamella acabou não registrando um b.o, mas no dia seguinte voltou à polícia e passou por corpo de delito. “Se fosse só a fala dele contra a minha, ninguém ia acreditar. Ele é famoso, conhecido... Ninguém imaginava que era assim. Ele acabava de brigar comigo e saia para o ensaio”, revelou.

O DJ foi preso na última quarta-feira (14) e transferido para o presídio Irmã Imelda Lima Pontes, em Fortaleza. Ele responde por dois inquéritos por agressão à ex-mulher.


Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.