Últimas

Em Manaus, Idam celebra Dia do Agricultor com liberação de crédito rural e exposição de produtos da agricultura familiar

Nesta quarta-feira (28/07), Dia do Agricultor, o Governo do Amazonas, por meio da unidade local do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam), em Manaus, realizou solenidade com exposição de produtos cultivados pela agricultura familiar e assinatura de projeto de crédito rural para investimento na cultura da mandioca. O governador Wilson Lima participou das ações e homenagens aos homens e mulheres do campo.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O evento aconteceu na unidade local do Idam (BR-174, km 0, bairro Lagoa Azul). A agricultora Daniele Rocha, 36, da AM-010, km 41, ramal do Areal, trabalha há mais de 10 anos com atividades da agricultura familiar e atualmente atua nos cultivos de hortaliças, pupunha e criação de tambaqui em tanque escavado.

Daniele destaca que a agricultura familiar desempenha um papel fundamental na produção de alimentos e na economia local. “Nosso maior orgulho é poder proporcionar alimentos de qualidade aos consumidores. É muito gratificante para a gente plantar, colher e vender nas feiras da Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS). Isso mostra que estamos conseguindo ganhar nosso espaço no mercado e reconhecimento do nosso trabalho”, enfatizou.

De acordo com o diretor-presidente do Idam, Valdenor Cardoso, o Instituto tem atuado de forma intensa no campo e o orçamento para o setor tem permitido investimentos na compra de máquinas eficientes, aquisição de sementes e assistência técnica qualificada.

“Nossa missão é levar informações técnicas, fomento, regulamentação, produção com qualidade e responsabilidade sanitária, para que os agricultores possam melhorar suas estruturas de produção, gerando renda e oportunidades no campo”, destacou Valdenor.

Acesso ao crédito - A agricultora Maria Luiza Costa, 42, do Projeto de Assentamento Água Branca, comunidade Uberê, foi contemplada com financiamento de mais de R$20 mil, por meio da Agência de Fomento do Amazonas (Afeam). O recurso será utilizado no cultivo de mandioca para produção de farinha de tapioca.

“Esse recurso vai ser muito importante na compra de insumos para que eu possa produzir a farinha de tapioca. Vou conseguir também ajudar outras pessoas, porque eu não trabalho sozinha”, disse a agricultora, ao destacar que atualmente a produção gira em torno de 20 sacas de farinha de tapioca por dia.

Assistência ao agricultor - O Idam atua juntamente a famílias rurais em todos os municípios do estado do Amazonas para fomentar o desenvolvimento socioeconômico e produtivo, por meio dos serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), como programas de capacitação, emissão de documentos para acesso às políticas públicas do setor primário, elaboração de projetos de crédito rural, entrega de sementes e outras atividades.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.