Últimas

PC-AM recebe membros da Sociedade de Oftalmologia do Amazonas visando ação conjunta

A Delegacia Especializada em Crimes contra o Consumidor (Deccon), da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), representada pelo delegado Eduardo Paixão, recebeu, na manhã da terça-feira (27/07), nas dependências da unidade policial, o médico Neuzimar Pinheiro e o advogado Leonardo Monteiro, representantes da Sociedade de Oftalmologia do Amazonas (SOA), com o objetivo de futuras ações em conjunto.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Conforme Paixão, a ideia é deflagrar ações policiais de fiscalização em estabelecimentos irregulares e clínicas oftalmológicas clandestinas, onde são realizados exames e consultas por técnicos em optometria em flagrante exercício ilegal da profissão de médico.

“O risco para a saúde pública em um caso tão sensível e irreversível já justifica a ação conjunta. Por isso, a equipe de investigadores da Deccon será intolerante na defesa do consumidor prejudicado”, pontuou a autoridade policial.

Neuzimar Pinheiro e Leonardo Monteiro comprometeram-se a criar equipes de fiscalização e agendar operações conjuntas para interditar clínicas que realizam consultas e exames que só podem ser feitos por médicos especializados em oftalmologia, e não por optometrista (profissional que pode apenas confeccionar óculos e lentes, de acordo com a prescrição médica).

Os representantes da SOA destacaram ainda que pretendem verificar técnicos com o registro vencido e salas de exames que não possuem documentação necessária para o funcionamento. Paixão incentiva que os consumidores que venham a ser prejudicados, denunciem formalmente os autores.

“É importante que os consumidores formalizem denúncias com recibos de pagamento e façam exame de corpo de delito se tiveram prejuízo na saúde dos olhos, para que os casos sejam investigados, pois o respeito à saúde pública deve se sobrepor à ganância pelo lucro dos que exercem a profissão sem habilitação”, afirma Paixão.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.